Hermann Saunders Fernandes, atuante há 12 anos atuando como perito no Amazonas (Foto Rebekah Fontes/Fato Amazônico)

Séries policiais como C.S.I. — Investigação criminal, Mentes criminosas e Elementary despertam a atenção de milhares de telespectadores mundo afora e popularizam os profissionais que lidam com a apuração de crimes. Entre os trabalhadores fundamentais para a investigação de contravenções dos mais diversos tipos está o perito. Hoje temos várias modalidades de perícia, que atuam no esclarecimento de fatos por um especialista na área, como criminal, médica, ambiental, judicial, tecnológica e outras.

Em entrevista ao Fato Amazônico, o perito Hermann Saunders Fernandes, atuante há 12 anos no ramo, contou como é a atuação de um perito em meio à solução de casos.

Pra começar, a “perícia criminal é a rainha de todas as provas. Não tem o que contestar.”, afirmou Hermann.

Hermann explica que um perito é nomeado pelo juiz e têm a missão de trazer provas para o caso, na área da qual o juiz não tem especialização. Com o laudo técnico solicitado, é feito o levantamento de todos os materiais que serão analisados, seja ele documentos ou áudios, e garante confiabilidade no serviço.

Os peritos podem ser convocados como consultores por juízes para auxiliar na resolução de casos, o chamado perito do juízo. Ele ajuda-os a entender questões econômico-financeiras que fogem do conhecimento dos magistrados em processos judiciais. Assim, o perito investiga e, com base em provas e fatos, apresenta laudo técnico.

“O juiz não tem de entender de todos os assuntos. Por isso, precisa do profissional que traga o conhecimento técnico específico”, afirma Herman Saunders.  

Valores

Os valores para contratar um perito variam conforme a complexidade do caso e tempo dedicado para construção do laudo técnico. Hermann afirma que o ideal é fazer o primeiro contato e entender a necessidade.

Vale ressaltar que o perito também pode ser contratado particularmente, sem a necessidade do pedido de um juiz. Os serviços solicitados podem incluir transcrição de áudios, serviços grafotécnicos, verificação de falsidade documental, entre outros.

Qualificação

Hermann Saunders possui bacharel em direito, é ex-delegado do Conselho Nacional dos Peritos Judiciais da República Federativa do Brasil (CONPEJ) e atualmente é presidente da Associação dos Peritos Judiciais do Amazonas (APEJEAM).

Possui especialização em Perícias Criminais, Ciências Forense, Criminologia, Psicologia Jurídica e Inteligência Forense, Grafotécnica e Falsidade Documental, Avaliações Imobiliária, Elaboração de Laudos e Pareceres Técnicos e é Juiz de Mediação e Arbitragem (JUMAM).