O empresário Angelus Figueira, suplente de deputado estadual, é o preferido disparado do eleitorado de Manacapuru

A primeira pesquisa de intenção de voto  realizada pela Agência de Interatividade e Marketing (iMarketing) para prefeito de Manacapuru, o nome do empresário Angelus Figueira, suplente de deputado estadual, é o preferido disparado do eleitorado do município, com  16,1%  na espontânea, para as eleições do dia 4 de outubro de 2020.

A pesquisa foi realizada no dia 19 com sete pré-candidatos – Angelus Figueira, Sidney Seixas, Francisco Bezerra, Beto D’Ângelo, Ten. Cel. Jander Batista, Pastor Antônio Alves e Raphael Maddy Jr.

O atual prefeito do município, Beto D’Ângelo, não foi lá muito bem avaliado mas, entre os três primeiros colocados, aparece na segunda colocação com 5,0 % e com uma rejeição exponencial de 51,9%, segundo a iMarketing, dirigida pelo publicitário Durango Duarte.

Na terceira colocação, a pesquisa aponta em empate técnico entre Sidney Seixas e o ex-vereador Francisco Bezerra, ambos com 4,2%. No item rejeição, o percentual de Figueira é de 11,4%, Bezerra 4,2% e Seixas com 1,9%.

A grande novidade da pesquisa iMarketing, contudo, não é a primeira colocação pró-Figueira, que sempre despontou na preferência do eleitor. A novidade está na evolução estatística dos números da pesquisa estimulada.

Na segunda opção, Francisco Bezerra dá um salto de  4,2% para 16,1%, tabulando um empate técnico com Angelus Figueira. Mas, na primeira opção da estimulada, Figueira dispara com 41,1% contra 15,3% em favor de Seixas e 12,2% de Bezerra.

Um segundo aspecto que mais chama a atenção na primeira pesquisa iMarketing é o percentual de eleitores que não souberam responder. Do total de 360 eleitores entrevistados, 62,5% – superior a soma do percentual de todos os candidatos (37,5%) não souberam o que dizer.

A margem de erro da pesquisa é de 5,2%, para mais ou para menos, com um grau de confiabilidade de 95%.

Veja o quadro

Administração Beto D’Ângelo

À julgar pelo números da iMarketing, o conceito do prefeito Beto D’Ângelo não é os melhores nesses dois primeiros anos de mandatos. Além de amargar indigestos 50% de rejeição, os índices apontam que a administração do prefeito está em declínio vertiginoso. Cai em todos os itens ladeira abaixo.

Veja o que pergunta a pesquisa: “A cidade de Manacapuru, terá em 2019, um ano muito melhor, melhor, igual, pior ou muito pior em relação com 2018”?

Resposta única – 38,6 pior. Para 38,3% do eleitor, a administração Beto D’Ângelo é péssima.

Veja Pesquisa Completa