As mudanças feitas pela Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel) continuam. Apesar do pouco tempo de atuação da nova gestão, tudo está sendo feito para que a população possa ter serviços de qualidade, em espaços completos. “Trabalhamos diariamente por melhorias. Ainda há muito a ser feito, mas pouco a pouco estamos fazendo a diferença, para que a sociedade possa usufruir de ambientes e serviços de excelência”, afirmou o secretário da Sejel, Caio André de Oliveira.

Entre as mudanças e melhorias que estão sendo feitas na Vila Olímpica de Manaus, está a proibição da entrada de pessoas para soltar pipas (ou “papagaios”) nas dependências do complexo. “Foi emitida uma portaria para proibir essa prática, uma vez que as pessoas, além de se arriscar subindo nos telhados das quadras para buscar pipas e papagaios que ficavam presos, faziam buracos nessa área. Isso acarretou prejuízo, principalmente agora, no período de chuvas, por conta de goteiras que se formaram nas quadras. Mas já estamos resolvendo isso também”, disse o secretário Adjunto de Desporto, Edson Marques.

Aos praticantes de atividades físicas na Vila, foi anunciado para breve a instalação de mais dois bebedouros. “Além de dois bebedouros já disponibilizados e em pleno funcionamento na Vila Olímpica, sendo um entre as quadras Danilo Perez e Waldemar Baía e outro ao lado da pista de atletismo, mais dois serão instalados para atender os usuários da melhor forma possível”, explicou Edson Marques.

Outra ação positiva da secretaria foi a retirada de 48 pneus que estavam jogados de forma aleatória dentro da Vila e se encontravam em situação de desgaste, tudo feito com orientação da Fundação de Vigilância e Saúde (FVS). Além disso, também foi feita a dedetização da Vila Olímpica de Manaus, pela FVS, com o fumacê (nebulização de inseticidas para eliminar os mosquitos e evitar a transmissão de doenças como a dengue, a zika ou a chikungunya) e a vistoria do local em busca de focos. “A Vila está em dias com a FVS. Já tomamos todas as providências para continuar com as ações de prevenção de doenças e faremos isso sempre”, afirmou o secretário Caio André.

Conectividade – Após um ano sem internet via Wi-Fi para os usuários da Vila Olímpica de Manaus, a Sejel voltou a disponibilizar o serviço. A partir de agora, a população já pode usufruir de acesso à rede, de forma totalmente gratuita, o que irá facilitar a conexão da comunidade com o mundo virtual. Neste primeiro momento, o sinal se estende em toda a praça da Vila. Em breve, contudo, estará disponível em todo o complexo, para a comodidade da população.

Legado para o Amazonas, a piscina olímpica também está incluída nas ações de melhoria da Vila Olímpica e, ainda este ano, poderá ser utilizada para treinamento de alto rendimento e iniciação esportiva.

Com relação à limpeza da Vila Olímpica de Manaus, mesmo neste período de chuvas, os trabalhos não param. As equipes de conservação estão trabalhando diariamente e os avanços são visíveis. “O canteiro central da Vila já está totalmente limpo. Agora as equipes estão concentradas nas extremidades do espaço, nos arredores do Centro de Ginástica e no campo de atletismo. Também estamos finalizando uma parceria com a Prefeitura para fazer uma ação integrada de limpeza. Acredito que, em pouco tempo, teremos uma Vila totalmente renovada”, finalizou Edson Marques.