Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Policiais do 14° Distrito Integrado de Polícia (DIP) cumpriu na tarde de ontem (18/1), mandado de prisão preventiva por homicídio qualificado tentado em nome de um açougueiro de 26 anos, após ele desferir golpes de faca na companheira dele. O rapaz foi preso nas proximidades do frigorífico onde trabalhava, no bairro São José Operário, zona leste da capital.

De acordo com o delegado Cícero Túlio, as diligências em torno do caso foram iniciadas no último domingo (14/1), após a vítima, uma mulher de 32 anos, comparecer na delegacia, bastante debilitada e com ferimentos pelo corpo, para formalizar ocorrência de agressão. Na ocasião, argumentou que tinha sido agredida pelo companheiro com três golpes de faca no rosto, braços, além de ter as mãos atingidas pela arma branca ao tentar se defender do infrator. O fato ocorreu na casa onde os dois moravam, no bairro Tancredo Neves.

“A vítima estava visivelmente debilitada e nos informou que tinha acabado de receber atendimento médico. Após nos relatar as circunstâncias do ocorrido, em ato contínuo, nossa equipe do plantão se dirigiu até o local do crime a fim de realizar um flagrante, porém, o infrator havia empreendido fuga. Por esse motivo, representei à Justiça o mandado de prisão em nome dele. O documento foi expedido no dia 15 de janeiro, pela juíza Luíza Cristina Nascimento da Costa Marques, no Plantão Criminal”, explicou Cícero Túlio.

Em depoimento, a vítima relatou que a agressão foi motiva por brincadeiras feitas por amigos em um aniversário que ocorreu no mesmo dia do fato. Em consulta ao Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp) foi constatado que o infrator possui passagem pela polícia por lesão corporal.

O açougueiro foi indiciado por homicídio qualificado tentado. Após os procedimentos cabíveis na unidade policial, ele será levado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde irá permanecer à disposição da Justiça.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •