Acusado de contrabando é preso no porto de Coari com pacotes de cigarros importados - Fato Amazônico




Acusado de contrabando é preso no porto de Coari com pacotes de cigarros importados

Alex Merendes de Oliveira, 21, foi preso hoje de manhã, com 82 pacotes de cigarros importados no porto do município de Coari, distante 336 quilômetros de Manaus. O material estava no barco recreio Monte Sinai, que saiu de Tefé com destino a Manaus.

Segundo osubcomandante de Policiamento do Interior, tenente-coronel Everton Cruz, os pacotes estavam dentro da mala do suspeito que não reagiu à prisão. "Ele disse ter saído de Manaus para vender os cigarros, mas não tinha nota fiscal do produto", disse o tenente-coronel.

Everton Cruz explicou, que todas as embarcações que atracam no porto de Coari ou passam pela cidade estão sendo vistoriadas pela Polícia Militar, com ajuda de cães farejadores, principalmente, para combater o tráfico de drogas. “Desde o início da operação “Choque de Ordem”, no mês passado, intensificamos as ações preventivas nas entradas e saídas da cidade com intuito de inibir à criminalidade nessa região”.

Ações com ajuda da população

No último fim-de-semana, depois de denúncias da população, a polícia conseguiu prender Francisco Jeferson Silva de Freitas, conhecido como Blade, 20, e Jorgiano da Silva de Souza, o Moreno, 23, suspeitos de roubo.

Segundo o tenente-coronel Everton, as denúncias indicavam que a dupla costumava praticar assaltos na estrada do aeroporto de Coari usando uma motocicleta vermelha. “Nós montamos barreiras e conseguimos interceptar os acusados e apreender o veículo. ‘Blade’ que já tinha cumprido pena por roubo, estava portando uma faca; já ‘Moreno’ que conseguir fugir na hora da abordagem, se entregou ontem no 5º Batalhão da PM do município”, explicou Everton Cruz.