Advogado Armando Freitas é baleado dentro de seu escritório no bairro do São Raimundo e morre no pronto-socorro - Fato Amazônico


Advogado Armando Freitas é baleado dentro de seu escritório no bairro do São Raimundo e morre no pronto-socorro

O advogado criminalista, Armando de Oliveira Freitas, de 76 anos, foi morto na manhã desta sexta-feira (4), em seu escritório, localizado na Avenia Presidente Dutra, no bairro São Raimundo, Zona Centro-Oeste de Manaus. Ele ainda chegou a ser levado do Hospital de Pronto-Socorro 28 de Agosto, mas já deu entrada sem vida.

As primeiras informações dão conta de que cinco homens armados, invadiram na manhã de hoje o escritório de Armando Freitas e efetuaram cinco disparos de arma de fogo na vítima que chegou a ser socorrido por seu filho, o advogado Glen Wilde do Lago Freitas, mas morreu a caminho do hospital.

Glen Wilde disse a polícia ouviu os tiros dentro do escritório e desceu correndo e já encontrou seu pai caído.

NOTA DE PESAR

A Ordem dos Advogados do Brasil seccional Amazonas (OAB-AM) lamenta com profundo pesar a morte do advogado Armando de Oliveira Freitas OAB-AM 638, vítima de um atentado ocorrido na manhã desta sexta-feira, 4 de maio de 2018, em frente ao escritório onde trabalhava, no bairro Santo Antônio, zona Oeste de Manaus.

Armando chegou a ser levado pelo filho, o também advogado Glenn Wildes do Lago Freitas, ao Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, mas não resistiu.

A OAB representada pelos mais de 13 mil advogados inscritos na seccional do Amazonas repudia toda e qualquer forma de violência praticada contra a vida humana em especial aos advogados. A entidade está acompanhando o andamento das investigações e está prestando total e irrestrito apoio aos amigos e familiares do advogado.

Armando de Oliveira Freitas tinha 76 anos e era um advogado reconhecido em nossa cidade. Foi eleito deputado estadual em 1982.

Manaus, 4 de maio de 2018.

Marco Aurélio de Lima Choy

Presidente da OAB-AM