Amazonas apontará avanços em segurança, tecnologia e negócios na 7ª Fiam - Fato Amazônico

Amazonas apontará avanços em segurança, tecnologia e negócios na 7ª Fiam

O êxito da experiência em Parceria Público-Privada (PPP), as perspectivas de novos nichos de negócios na área naval e de mineração, os investimentos em tecnologia e inovação são alguns dos eixos da participação do Governo do Amazonas na 7ª Feira Internacional da Amazônia (Fiam), que acontece de 27 a 30 de novembro no Studio 5 Centro de Convenções.

Estado anfitrião do evento promovido pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), o Amazonas também apresentará em um estande exclusivo os avanços na promoção do desenvolvimento sustentável e nos setores de segurança, saúde e educação.

Sob a coordenação da Secretaria de Estado de Planejamento e Desenvolvimento Econômico (Seplan), o estande mostrará toda a tecnologia envolvida na implementação do programa Ronda no Bairro, que vem contribuindo para a redução das ocorrências policiais em todas as regiões da capital. Os avanços na implantação do projeto naval, mineral e logístico do Estado também serão uma das atrações do espaço institucional do Governo.

Destaque – Outro destaque da programação do Estado na feira é o seminário de Tecnologias para o Desenvolvimento Sustentável, com a participação de empresas e especialistas da Universidade do Novo México (EUA), previsto para o dia 28, a partir das 9h, na sala de palestras.

Neste seminário serão abordadas as pesquisas que vem sendo desenvolvidas para atender as necessidades da população em relação à agua potável, aproveitamento de energia sustentável, preservação ambiental e monitoramento.Está confirmada a presença do presidente da Acqua Access Rondey Herrington, empresa que detém sistema inovador de geração de cloro. Também estará na 7ª Fiam o professor emérito de Administração e presidente do Departamento de Desenvolvimento Econômico da Universidade do Novo México, Suleiman Kassichienh.

Palestras – O secretário de Estado de Planejamento, Airton Claudino, tratará sobre a “Importância da Indústria Sustentável para a Região”. O secretário de Mineração, Daniel Nava, abordará o tema “Água para a sustentabilidade do planeta”.

Segundo o secretário Airton Claudino, a Fieam hoje é um espaço consolidado para a promoção de oportunidade de negócios, atração de investidores e articulação de parceria técnico-científica.

Rodada de negócios – A Fiam 2013, de acordo com informações da Suframa, contemplará rodadas de negócios e de turismo, jornada de seminários com temas estratégicos para o desenvolvimento regional que visam difundir conhecimentos gerais sobre a Amazônia, além de gerar subsídios para a orientação de políticas públicas.

A sétima edição da Fieam tem previsão de movimentação de negócios na faixa de R$ 24 milhões, cerca de 300 expositores e 60 mil visitantes. A novidade desta edição ficará por conta das rodadas de negócio com foco no seguimento de serviços voltados a bares e restaurantes, que acontecerá pela primeira durante o evento.

A Jornada de Seminários que, nesta edição, deverá contar com 78 palestrantes e mais oito temas, como Soluções de Sistemas Inteligentes para Preservação de Florestas, Oportunidades de Negócio na Copa, entre outros.

Balanço – A Rodada de Negócios, segundo balanço da Suframa, realizada durante a Fiam 2011 atingiu a marca de US$ 13 milhões em negócios acertados para curto e médio prazos, superando em 14,5% o resultado da edição da Fiam 2009, quando o valor atingido foi de US$ 11.435 milhões.