Amazonino, que não acredita em “racha” de Omar e Eduardo, visitou a Arena da Amazônia em companhia do governador - Fato Amazônico




Amazonino, que não acredita em “racha” de Omar e Eduardo, visitou a Arena da Amazônia em companhia do governador

A visita de Amazonino Mendes, em companhia do governador Omar Aziz (PSD), a Arena da Amazônia, demonstra que o chefe do executivo está correndo atrás de todos os caciques políticos do estado para isolar Eduardo Braga (PMDB), pré-candidato ao governo do estado e assim emplacar seu candidato, ainda indefinido, mas com todas as chances de ser seu vice- José Melo (Pros), para assumir a sua vaga.

Omar, que na semana passada, anunciou uma ação conjunta em obras na Zona Norte de Manaus, com o prefeito Arthur Neto, inimigo político declarado de Braga, demonstra em suas ações um “racha” com o senador.

“Racha”, que Amazonino Mendes, disse em entrevista a reportagem do Fato Amazônico, em dezembro do no passado, não crer. “Não existe isso, são discrepâncias naturais, o tempo vai ajustando e não se tem porque fazer cavalo de batalha sobre aparências”, declarou o ex-prefeito, acreditar que Omar Aziz, estará ao lado de Eduardo Braga, pré-candidato ao governo do estado, nas eleições deste ano.

Amazonino, disse ainda a reportagem, esperar que as questões políticas das eleições sejam resolvidas com diálogos e sem litígios.

Mas fontes, afirmam, que Amazonino, trabalhava para evitar o “racha”, mas hoje irá tombar para o lado que melhor for para seus negócios, levando ele a se distanciar de Eduardo Braga, com quem já manteve várias conversas.

Amazonino, estaria aproximando-se de José Melo, pré-candidato, que cada vez mais se aproxima dos caciques políticos do estado, um deles o inimigo político de Braga, o prefeito de Manaus Arthur Neto, que já descartou em público apoio a Hissa Abrahão, também candidato.