Silvio Costa, Délcio Santos e Jorge Pinho estão na disputa para a vaga de desembargador (Foto Sérgio Guimarães)
Compartilhe
  • 3
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    3
    Shares

Os advogados Délcio Santos (22 votos), Jorge Pinho (10 votos), Sílvio Costa (10 votos) serão os nomes que serão encaminhados ao governador Amazonino Mendes que escolherá quem será o 26° desembargador do Tribunal de Justiça do Amazonas.

A escolha aconteceu na manhã desta quarta-feira em sessão extraordinária do pleno do Tribunal de Justiça do Amazonas da composição da lista tríplice que será enviada para o governador.

Amazonino terá 20 dias subsequentes para fazer a sua escolha e comunicar o nome do novo desembargador ao Tribunal de Justiça. O governador pode escolher qualquer um dos nomes, independente da votação.

Muitos falam que o advogado Délcio Santos, que há anos militar na Justiça Eleitoral, é o mais cotado pata ocupar a vaga, por ter vários “padrinhos” políticos, a maioria deles hoje ligado a Amazonino Mendes.

Mas, outros afirmam que a disputa deverá ser acirrada. Jorge Pinho, que é ex-procurador do estado é um forte, uma vez que já foi procurador quando Amazonino Mendes foi governador.

Silvio Costa, também tem seus padrinhos políticos e de acordo com fontes pesa também na balança.

Além deles, figuravam na lista Francisco Charles Garcia, Carlos Alberto Ramos Filho e Alberto Bezerra. A lista sêxtupla saiu de uma eleição entre os advogados do Amazonas, realizada no último dia 26 de maio. 

Délcio Santos é o mais votado na lista sêxtupla do Quinto Constitucional para vaga de desembargador


Compartilhe
  • 3
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    3
    Shares