A nova diretoria da Amazonprev redefiniu as estratégias de alcance de seus segurados. Com isso, o número de beneficiários que deixaram de realizar o recadastramento anual e obrigatório – que permite a manutenção dos salários regulares – vem desacelerando.

Em meados de janeiro, eram 3,4 mil beneficiários que não haviam atualizado seus cadastros junto à fundação. O montante correspondia ao período de setembro a dezembro de 2018, mais janeiro de 2019. Já no mês de fevereiro, quando fechou a folha de pagamento, foi observado apenas 339 segurados não recadastrados: uma queda de mais de 90%.

“Com a intensificação de campanhas nas mídias sociais, jornais e rádios, no final de janeiro, o número de aposentados e pensionistas sem recadastramento caiu para 2,3 mil. Mas esses dados me incomodavam e graças a uma comunicação mais incisiva conseguimos reduzir de 3,4 mil para 339 beneficiários sem recadastramento. Nossa meta é reduzir ao máximo esses números todos os meses”, detalhou o presidente da Amazonprev, André Luiz Zogahib.

Para o mês de fevereiro, dos 2.259 segurados aniversariantes, apenas 547 deles ainda não procederam o recadastramento e estão passivos de suspensão do benefício no mês de março. Lembrando que aposentados e pensionistas aniversariantes em fevereiro devem procurar a Amazonprev para atualização cadastral até 16 de março, caso contrário terão os pagamentos suspensos até a regularização, conforme a Lei Complementar 30/2001.

Onde recadastrar – Para o recadastramento de quem mora em Manaus o acesso é direto no endereço da Amazonprev, na avenida Visconde de Porto Alegre, 486, centro, de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h30. Já os residentes no interior podem atualizar seus dados nas unidades da Secretaria de Educação do Estado (Seduc-AM) localizadas em seus municípios. Durante o recadastramento é necessário que o segurado apresente carteira de identidade, CPF e comprovante de residência.

Para os domiciliados em outros estados, a atualização cadastral é realizada por meio do site www.amazonprev.am.gov.br. O segurado deve imprimir os formulários e preenchê-los com seus dados. Após esses procedimentos, a assinatura deverá ser reconhecida em cartório por autenticidade, antes de encaminhá-los, pelos Correios, para o endereço da Amazonprev em Manaus.

Visita domiciliar – Os beneficiários residentes na capital, que estejam impossibilitados de locomoção (acamados, internados em hospitais ou em casas de repouso), podem solicitar, com antecedência, a visita domiciliar dos agentes da Amazonprev. O telefone para agendamento é o 3627-3404 ou pelo Fale Conosco no site da Amazonprev.