Compartilhe
  • 90
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    90
    Shares

O efetivo funcionamento e ampliação do Programa Identidade Jovem no Amazonas foi tema de reunião na sede do Ministério Público Estadual na manhã desta quinta-feira, 19 de julho, na sede do órgão, na Ponta Negra, Zona Oeste de Manaus. O encontro teve a presença do procurador-geral Fábio Monteiro, da deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB) e dos consultores da Secretaria Nacional de Juventude, Raline Monteiro e Marco Cruz.

Responsável pela mediação da reunião, a deputada Alessandra explicou que a ID Jovem, como é mais conhecida, é um documento que oferece diversos benefícios aos jovens como, por exemplo, meia-entrada para eventos culturais e esportivos e vagas gratuitas e com descontos em transportes coletivos. A parceria institucional com o MPE, portanto, é necessária para fiscalização e efetivo funcionamento da iniciativa.

O programa  ID Jovem é integrado ao Estatuto da Juventude e foi criado pelo Governo Federal com o objetivo de beneficiar milhões de jovens brasileiros de baixa renda. No Amazonas, o programa está em fase de divulgação junto aos órgãos ligados ao tema, como as secretarias estadual e municipal de Esportes, Lazer e Juventude (Sejel e Semjel), Procon e Agência Nacional de Transportes Terrestres.

No MPE, o procurador-geral garantiu empenho da instituição na divulgação e fiscalização do ID Jovem no Estado por meio das Promotorias Especializadas do Consumidor e da Infância e da Juventude. Segundo os consultores, o próximo passo é levar o programa para o interior a partir do mês de agosto.


Compartilhe
  • 90
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    90
    Shares