Engana-se quem pensava que o beijo que rolou entre Anitta e Neymar foi algo de momento. A cantora estava bastante intencionada quando chegou com o jogador no camarote que Bruna Marquezine era musa, e o objetivo foi justamente provocar a ex-namorada do craque.

Segundo a coluna de Leo Dias, antipatia entre a Anitta e Bruna Marquezine aumentou depois que a atriz da Globo foi ao trio elétrico da funkeira em Salvador, dois dias antes, e não fez qualquer registro nas redes sociais, nem muito menos falou com a cantora.

Ela foi colocada no local por um assessor de Anitta, conforme a própria cantora deixou claro nos stories do seu perfil, e para ela, foi uma desfeita por parte de Marquezine. “Foi uma série de provocações: a Bruna Marquezine provocou a Anitta no trio e a Anitta deu o troco com o Neymar no camarote”, disse Leo Dias.

Autor da biografia dela, o jornalista revelará detalhes sobre o suposto envolvimento amoroso entre ela e o jogador, que viveram momentos bem mais íntimos do que o registrado na Sapucaí. Segundo ele, foi pedido nada menos que R$ 3 mil pelo vídeo do beijo entre os dois, mas ele disse que não valia tudo isso.

“Ela me disse: ‘não, tem que valer sim’. Então, ela contou que havia beijado 20 pessoas”, revelou Leo Dias. “Acordei em Salvador com o pessoal do ‘Fofocalizando’ dizendo que um rapaz de Sorocaba havia me procurado para negociar o vídeo. Achamos o valor muito alto”, disse ele sobre o caso com Neymar.

“Depois, me disseram que a negociação não havia ido pra frente. Então, liguei para o cara. Ele até se assustou quando ouviu minha voz. Conversamos e chegamos a um consenso”, afirmou, dizendo que a cantora fez questão de minimizar a situação com Bruna Marquezine nos stories do seu Instagram.

“Sempre que um assessor de imprensa quer diminuir a força da notícia, ele precisa desvalorizá-la e tratá-la como algo irrelevante. Só que não adianta vir com essa tática pra cima de mim. Ela, no fim das contas, viu o tamanho da repercussão”, afirmou o jornalista sobre Anitta e Neymar. (TV Foco)