Carlinhos Silva, mais conhecido como Mendigo do “Pânico”, conseguiu uma liminar na Justiça, no fim da semana passada, que o impede de ir parar atrás das grades. Acusado de dever cerca de R$ 400 mil de pensão ao filho, Arthur, de 7 anos, o humorista teve sua prisão decretada no início de outubro.

“O desembargador entendeu as minhas verdades, já que eu tinha todos os comprovantes do pagamento de pensão, de presentes que eu dei para ela. Ele entendeu para o meu bem e para o bem do meu filho que a prisão não seria bacana. Conseguimos a revogação da prisão”, disse ao “Uol”.

E comemorou a decisão: “É um milagre! Estava esperando a decisão deles para me entregar ou não. Agora estou mais aliviado”.

Sem papas na língua, o comediante afirmou que Aline Hauk, mãe do menino, o impede de ter contato com a criança. “Eu nunca vou negar pão ao meu filho, sempre paguei, mas não vi nada. Não vi aniversários, Dia dos Pais, Ano Novo”, disse.

E lamentou o fato de ter se afastado de Arthur: “Eu tenho que reconquistar meu filho a cada vez que o vejo. Todos que me conhecem sabem o amor que eu sinto. Ele me fez aprender tudo o que eu sou hoje e esse acesso foi negado.” (FAMOSIDADES)