As Polícias Civil e Militar, sob o comando do delegado José Elcy Braga, Titular da 34ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), situada em Iranduba, município distante 27 quilômetros em linha reta de Manaus, realizaram ontem uma revista de rotina nas celas da unidade policial e encontraram diversas armas caseiras, entre machados, estacas e pontas de ferro, além de quatro celulares.

De acordo com Elcy Braga, havia suspeita de que os presos fariam uma rebelião por conta do comportamento que eles estavam apresentado e a revista foi programada. “Essa ação foi para prevenir uma possível rebelião e verificar as condições em que os presos estavam. Os celulares eram usados para comunicação externa. Iremos verificar as mensagens, contatos e todo o resto. Já as armas apreendidas serão destruídas”, ressaltou.

A unidade policial, que funciona como presídio provisório, abriga presos que estão aguardando decisão judicial ou transferência para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, em Manaus.