Audiência pública na Aleam discute “modernização da gestão pública” - Fato Amazônico

Audiência pública na Aleam discute “modernização da gestão pública”

O presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, deputado Bi Garcia (PSDB), reuniu ontem à tarde parlamentares, professores, conselheiros e secretários, para discutir em audiência pública sobre a “Modernização da Gestão Pública”.

Na audiência pública realizada no Plenário Ruy Araújo foi apresentado o software URBEM (Sistema de Integração de Administração e Controle) que é disponibilizado gratuitamente pela Confederação Nacional dos Municípios. No Amazonas, o programa foi implantado há cerca de dois anos no município de Presidente Figueiredo, na Região Metropolitana de Manaus.

De acordo com Bi Garcia, a partir desta experiência, o software deverá ser implantado nas cidades de Silves, Itapiranga, Maués, Manaquiri, Boca do Acre e Nova Olinda do Norte, ainda neste mês.

“A implantação do sistema permite aos gestores públicos, realizar diagnósticos, organizar e dinamizar os processos internos, auxiliando no planejamento e na tomada de decisões, garantindo maior controle da arrecadação e de todas as informações de interesse da administração pública”, destacou o parlamentar.

“Este sistema é mais sofisticado e mantém todos os arquivos ligados à Confederação Nacional dos Municípios com acesso às documentações das administrações passadas e moderniza a arrecadação municipal com a implantação da nota fiscal eletrônica, por exemplo”, acrescentou.

O prefeito de Presidente Figueiredo, Neilson da Cruz Cavalcante (PSB), enfatizou a importância dessa ferramenta digital. “Esse sistema é seguro. A minha grande dificuldade quando assumi é que não tinha informação sobre a gestão anterior. Agora eu sei tudo sobre o que acontece e o sistema funciona principalmente na contabilidade, nos ajudando a seguir a Lei de Transparência”, disse.

CAPACITAÇÂO

A Associação Amazonense de Municípios em parceria com o Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM) capacita os servidores do município a ser implantado o sistema URBEM e depois os próprios ficam gerenciando e alimentando com as informações de acordo com a rotina administrativa.

AUDIÊNCIA

Entre os presentes na audiência pública estavam o deputado estadual Serafim Correa (PSB); vereador Gilmar Nascimento (PDT), o secretário municipal de Finanças (SEMEF) Ulysses Tapajós; o secretário de Estado de Planejamento, Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia da Informação (SEPLANCT), Roney César; a presidente da AMAZONASTUR, Orenir Braga; o conselheiro substituto do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), Alípio Filho; Antônio Iran Lima, Prefeito de Boca do Acre e Presidente da Associação Amazonense de Municípios; Afonso Lobo, Secretário de Estado da Fazenda do Amazonas (SEFAZ); Kerchenn Elteque de Oliveira Pereira, Diretor de Tecnologia e Informática do TCE-Alagoas; João Campelo, Prefeito de Itamaraty; Joseías Lopes, Prefeito de Nova Olinda do Norte; Xinaik Medeiros, Prefeito de Iranduba; Padre Carlos, Prefeito de Maués e Joselito Aristóteles, vice prefeito de Itacoatiara.