Avião da Polícia Federal com réus do mensalão chega a Brasília - Fato Amazônico

Avião da Polícia Federal com réus do mensalão chega a Brasília

Brasília (Da Agência Brasil) – O avião da Polícia Federal (PF) que trouxe nove condenados na Ação Penal 470 que se apresentaram em São Paulo e em Belo Horizonte pousou hoje (16) no aeroporto de Brasília, às 17h45.

Um dos veículos que saiu do aeroporto com condenados trazidos de Belo Horizonte e São Paulo foi visto dirigindo-se ao Complexo Penitenciário da Papuda, onde só há presos que cumprem o regime fechado.

Mais dois condenados já haviam chegado à Superintendência da PF antes da vinda do avião: o ex-tesoureiro do PL (atual PR) Jacinto Lamas e o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares. Esse último veio de Goiânia e chegou a Brasília no final da manhã deste domingo. Lamas entregou-se ontem (15).

A transferência para Brasília foi feita porque cabe ao juiz da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal executar as penas. No entanto, os réus poderão pedir para cumprir a pena nas cidades onde moram.

As prisões dos condenados foram decretadas ontem (15) pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa. Dos 12 mandados de prisão somente um não foi cumprido, o do ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato, que fugiu para a Itália e é considerado foragido pela Polícia Federal.

Sete réus apresentaram-se ontem à Polícia Federal em Belo Horizonte (MG): José Roberto Salgado, ex-vice-presidente do Banco Rural; O publicitário Marcos Valério; Kátia Rabello, ex-presidenta do Banco Rural; o ex-deputado federal Romeu Queiroz (PTB-MG); Ramon Hollerbach e Cristiano Paz, ex-sócios de Marcos Valério; e Simone Vasconcelos, ex-funcionária de Valério.

Dois réus entregaram-se em São Paulo: o ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, e o ex-presidente do PT e deputado federal (SP) José Genoino. Os dois foram condenados ao regime semiaberto.