A saga do ronco, que movimentou o BBB 19 nas primeiras semanas do programa, voltou na quarta-feira (20/02) com direito a choro. A situação foi agravada pelo novo castigo imposto pelo público, que decidiu que todos ficarão acorrentados por quatro dias.

A aproximação forçada dos competidores, que ficaram divididos em dois grupos, deixou alguns mal-humorados, como Rízia, que se incomodou de ter que acompanhar os “brothers” na academia. “Fica parecendo que eu sou a ridícula, que estou de pirraça, que não quero fazer. Mas é que eu fiz antes de ontem”, afirmou.

Também durante a tarde desta quarta, o ronco voltou a provocar problemas quando o mesmo grupo, formado também por Isabella, Gabriela, Rodrigo e Alan, resolveu dormir. Rízia chegou a acordar Alan para que interrompesse a “sinfonia” e Isabella, que está ao lado de Rodrigo, caiu no choro.

Ao todo, 79,1% do público disse sim à pergunta: “Você quer que os ‘brothers’ fiquem algemados por quatro dias?”, impondo o castigo.

Por meio de um sorteio, os eles se dividiram em dois grupos. Tereza, Paula, Hariany, Carolina, Elana e Danrley ficaram no grupo vermelho. Já Gabriela, Rodrigo, Rízia e Alan formaram o grupo azul.

Os participantes terão de fazer todas as atividades juntos: dormir, ir ao banheiro, entrar na piscina, comer. Nesta quinta-feira (21/02), será realizada a prova do líder. O escolhido será o único que vai conseguir se livrar das algemas e poderá curtir o quarto do líder sozinho, já que não será permitida a entrada dos outros participantes.

(GAZETA ONLINE)