Campanha ‘Novembro Azul’ alerta para prevenção do câncer de próstata - Fato Amazônico




Campanha ‘Novembro Azul’ alerta para prevenção do câncer de próstata

Com objetivo de divulgar a Campanha ‘Novembro Azul’ – Prevenção ao câncer de próstata – a Câmara Municipal de Manaus (CMM), abriu espaço para a palestra do membro-fundador da Sociedade Brasileiro de Urologia no Amazonas (SBU-AM), o médico Anoar Samad, que explicou a importância da prevenção e divulgou dados alarmantes sobre doença no Brasil e no Amazonas. A convite, do vereador Luis Mitoso (PSD), a palestra do médico, também destaca a importância do toque retal na prevenção e diagnóstico precoce da doença.

De acordo com o médico, no Amazonas até o final deste ano, estimativas do Instituto Nacional do Câncer (INCA) apontam o registro de pelo menos 510 casos de câncer de próstata, sendo pelo menos 66% em Manaus. “Metade dos homens que tem câncer não sabem que carregam esta doença, porque não sentem nada”, alertou o urologista.

Os dados do Ministério da Saúde apontam mais de 50 mil casos de câncer de próstata por ano, com o número de mortes ultrapassando os 12 mil registros, como informou o médico.

Fatores de risco

O médico informou ainda, que o risco de incidência aumenta a partir de 50 anos de idade com pico em torno de 70 anos. Outro risco da doença se dá pela história familiar. “Um familiar aumenta o risco em desenvolver a doença em duas a três vezes”, confirmou Anoar Samad, ao observar também os fatores ambientais e dietas. “Por isso a importância do diagnóstico por meio do toque retal, da Prova do Antígeno Prostático (PSA)”.

Sintomas

Durante a palestra, o urologista disse que no início da doença, ainda há chance de cura e em estágio avançado o paciente pode sentir sintomas urinários e dores disseminadas pelo corpo, como dores ósseas.
Para evitar o câncer de próstata, o médico recomenda que todo homem acima de 45 a 50 anos de idade realize consulta com urologista para PSA e toque retal, pelo menos uma vez ao ano, e para pacientes da raça negra e com parentes com história de câncer de próstata na família, esta idade cai para 40 anos.

“Câncer de próstata é uma doença grave e bastante frequente. Por isso, recomendo a orientação e divulgação de todos sobre as formas de prevenção”, solicitou ele, ao lembrar que os homens precisam estar sempre atentos para não deixar um tumor de próstata localizado evoluir para um tumor avançado.

Por considerar um tema relevante à saúde do homem, Mitoso elaborou um Projeto de Lei que institui no Calendário Oficial do Município de Manaus o ‘Novembro Azul’, mês de reflexão sobre a importância da prevenção ao câncer de próstata. Aprovado no Plenário da CMM, o PL visa dar visibilidade e promover a sensibilização ao problema de saúde pública que afeta a população masculina em Manaus. “A instituição do mês ‘Novembro Azul’ pretende assim estabelecer um marco, como já tem sido feito com êxito na prevenção do câncer de mama”, observou Mitoso, ao ressaltar que o PL vem de encontro à sociedade de urologia que já determinou o ‘Novembro Azul’ para reflexão.

Apoio parlamentar

O assunto ganhou apoio dos demais parlamentares como do vereador Rosivaldo Cordovil (PTN) que solicitou a padronização de um ônibus no tom azul, como forma de alertar contra o câncer de próstata. Já o vereador Júnior Ribeiro (PTN) aproveitou para divulgar o Projeto de Lei de autoria dele que institui a Semana da Saúde do Homem.
Para o vereador Elias Emanuel (PSB) falar sobre o assunto na Casa serve como reflexo para a sociedade. “Nunca perca esse entusiasmo que é salvar a vida dos homens da nossa cidade”, disse ele, ao reconhecer o importante trabalho de Anoar Samad.

Mais divulgação

Como líder comunitário e líder de bairro, o vereador Francisco da Jornada (PDT), prometeu divulgar a reflexão sobre a importância da prevenção da doença.
Entre outros, que também se manifestaram na tribuna, foram os vereadores petistas Professor Bibiano e Waldemir José, que questionaram sobre a estrutura de profissionais para o atendimento da população, tanto da parte do Governo do Estado, quanto do Governo Federal.
Entre os que também manifestaram apoio, estão os vereadores Professor Samuel (PPS), Roberto Sabino (PROS), Conceição Sampaio (PP), Ewerton Wanderley (PSDB), Dr. Gomes (PSD).