A atriz Christiane Torloni, na noite de ontem (04/02), no palco do Teatro Amazonas (Foto Michel Dantas)
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Secretaria de Estado de Cultura (SEC), homenageou a atriz Christiane Torloni, na noite de ontem (04/02), no palco do Teatro Amazonas. No encerramento da minitemporada do espetáculo “Master Class” em Manaus, no qual interpreta a diva lírica Maria Callas, a artista recebeu uma placa das mãos do secretário de Cultura, Denilson Novo.

“Tive uma oportunidade rara nesse palco, a de reabrir esse teatro depois de muito tempo fechado para reforma. Cheguei e, na verdade, nem sabia o que fazer, mas como eu nasci e fui criada no palco, fiz aquilo que aprendi com os meus pais quando a gente alcança um sonho: eu me ajoelhei, beijei o palco e disse ‘agora você está inaugurado’”, contou a atriz. “Depois de 30 anos, recebo esta placa”.

O secretário de Cultura ressaltou a luta da atriz pela Amazônia. “Essa singela homenagem é por tudo que você representa na luta pela Amazônia e por esse maravilhoso espetáculo que muito nos honra.  Queremos eternizar o momento com essa placa, que ficará no nosso Teatro”, afirmou Denilson Novo.

Christiane Torloni retribuiu com um pedido especial para plateia. “Lutem pela preservação da Amazônia como se fosse o coração de vocês, sejam agentes de proteção”, disse a atriz, que, em seguida, convidou o público para uma foto.

Casa cheia – O Teatro Amazonas recebeu o “Master Class” durante três noites: na quinta-feira, dia 1º de fevereiro, e sexta, dia 2, às 20h; e no domingo, dia 4, às 19h, com lotação máxima.

O espetáculo tem direção de José Possi Neto e traz também no elenco Julianne Daud, Paula Capovilla, Frederico Silveira, Thiago Rodrigues, Jessé Scarpellini e Raquel Paulin. A direção musical da montagem é do maestro Fábio G. Oliveira.

 


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •