Claudia Leitte decidiu abrir o jogo e confessou que ficou constrangida durante participação no “Teleton”, do SBT, na noite do último sábado (10/11). Em um longo post feito no Instagram, nesta segunda-feira (12/11), a cantora desabafou a respeito da cena com Silvio Santos que virou alvo de polêmica nas redes sociais.

Para quem não viu, o dono da emissora recebeu a artista no palco do evento beneficente e disse que não a abraçaria porque ficaria excitado. “Esse negócio de eu ficar dando abraço me excita”, disparou. A loira tentou disfarçar, dizendo que seria “de alegria, euforia”, mas o veterano não quis saber: “Não é euforia. É excitação mesmo”.

“[…] Senti-me constrangida sim! Quando passamos por episódios desse tipo, vemos em exemplificação, o que acontece com muitas mulheres todos os dias, em muitos lugares. Isso é desenfreado, cruel, nos fere e nos dá medo. A provocação vem disfarçada de piada, e as pessoas riem, porque acostumaram-se, parece-nos normal!”, postou.

E continuou: “E lá se vai a nossa vida, cheia de reflexões quanto ao que usar como artista, como empresária, como esposa, como amiga, como empregada, como patroa… como mulher. Até que horas podemos estar nas ruas? Aprendemos a nos esquivar. Fizemos concessões porque fomos educadas assim. Mas, nós que somos vítimas!”.

Vale lembrar que a cena repercutiu negativamente nas redes sociais. “Eu, como cantora, ciente do meu papel e da responsabilidade que carrego, sentia que precisava dizer isso a vocês, meus fãs, e a todas as pessoas, em especial às mulheres, que longe do olhar público sofrem todos os dias”, encerrou a artista.

(Famosidades)