O corpo resgatado nas fuselagens do avião que transportava Emiliano Sala foi levado até a Inglaterra na manhã desta quinta-feira (07/02). Utilizado pelo Departamento Britânico de Investigação de Acidentes Aéreos (AAIB) na operação, o navio “Geo Ocean 3” chegou às 6h46 (horário de Brasília) ao porto de Portland.

A AAIB informou que, mesmo com condições adversas, o regaste do corpo foi realizado com êxito, e posteriormente passará por um processo de identificação.

“A operação transcorreu com a maior dignidade possível, e as famílias foram informadas dos processos alcançados”, informou o departamento.

Com as previsões meteorológicas para os próximos dias, as autoridades suspenderam as próximas ações de resgate. Ainda segundo a AAIB, não foi possível trazer o avião até a superfície, e as filmagens serão realizadas na investigação.

Emiliano Sala, de 28 anos, e seu piloto, o britânico David Ibbotson, de 59, voavam em 21 de janeiro em um monomotor Piper PA-46-310P Malibu entre a França e a Grã-Bretanha, quando desapareceram dos radares a 20 km da ilha britânica de Guernsey. O avião ficou desaparecido até o último domingo, quando destroços da aeronave foram encontrados no fundo do Canal da Mancha.

(Gazeta Esportiva)