Cursos Técnicos aceleram entrada no mercado de trabalho - Fato Amazônico

Cursos Técnicos aceleram entrada no mercado de trabalho

Fazer um curso técnico representa um grande diferencial competitivo para ingressar no mercado de trabalho. Fucapi oferece 12 áreas técnicas, com formação em até dois anos.

Pesquisas apontam que ao concluir um curso técnico, o profissional pode receber até 24% a mais nos ganhos mensais. A Escola Fucapi, com tradição no ensino técnico no Norte do País, oferece 12 cursos com forte aceitação no mercado local, está com inscrições abertas até o dia 15 de julho para novos alunos.

As matrículas são realizadas pelo portal fucapi.br

Os interessados podem escolher12 diferentes cursos com alta projeção no mercado, com duração de até dois anos, ofertados nos períodos matutino, vespertino e noturno. As aulas iniciam no dia 21 de julho no campus do Distrito Industrial (Av.Danilo Areosa, 381).

Várias são as vantagens de fazer um curso técnico, dentre elas a rapidez na realização, o custo e a aceitação no mercado de trabalho de colocação no mercado. Uma pesquisa encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) ao Ibope, em 2014, mostra que mais de 70% dos ex-alunos de cursos técnicos de nível médio conseguem emprego no primeiro ano depois do curso.

A diretora da Escola Fucapi, Rosanna Lacouth, informou que o cidadão que opta por realizar um curso técnico tem uma grande probabilidade de ser imediatamente inserido no mercado de trabalho. “Ele tem uma vantagem profissional e também pode escolher um futuro profissional em uma universidade”, disse.

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS DOS CURSOS TÉCNICOS. VEJA:

1. Mais rápidos: normalmente os cursos técnicos duram menos tempo que a graduação, em torno de 1 a 2 anos;

2. Custam menos: os valores podem variar de acordo com o curso escolhido, porém, são mais acessíveis financeiramente que os cursos de graduação;

3. São cursos focados: trata-se de cursos profissionalizantes, portanto proporcionam conhecimento na área escolhida e levam menos tempo para a formação. Além disso, a capacitação técnica e prática já é abordada logo no início do curso;

4. Tem boa aceitação no mercado de trabalho: cada dia mais as empresas precisam de profissionais qualificados em várias profissões. Dessa forma, todas as idades podem se qualificar;

5. Salários bons: os profissionais que estão em falta no mercado de trabalho ganham muito mais pelo seu serviço. Porém, isso varia de acordo com cada profissão, mas em média os salários são bastante satisfatórios;

6. Um passo para a universidade: com o emprego técnico garantido é possível fazer um planejamento e dar início a um curso de graduação.