David Almeida vai a municípios do Madeira vistoriar obras públicas - Fato Amazônico


David Almeida vai a municípios do Madeira vistoriar obras públicas

Verificar a atual situação do interior do Estado e buscar soluções para as demandas de cada município. Foi com esse intuito, que o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado David Almeida, viajou na manhã de quinta-feira, 25 de janeiro, para Manicoré e Nova Olinda do Norte, ambos na calha do Rio Madeira.

Acompanhado do deputado Platiny Soares e técnicos da Aleam, David realizou visitas a diversos locais nos dois municípios para checar as condições de funcionamento.

“Como sempre tenho dito: não faço mais do que minha obrigação. E estar aqui visitando os municípios e fiscalizando as obras do Estado, estou cumprindo com o meu de parlamentar”, afirmou David Almeida.

Pela parte da manhã em Manicoré, a comitiva liderada pelo presidente, foi ao Hospital Hamilton Cidade, e constatou que, apesar do bom estado de conservação, a unidade sofre com a falta de materiais básicos hospitalares, ambulância e também de máquinas de radiografia e mamografia.

Diante disso, David Almeida adiantou que vai encaminhar à Secretaria de Estado de Saúde (Susam), requerimentos para que sejam fornecidos materiais hospitalares, o conserto dos equipamentos de radiografia e mamografia e disponibilizar uma ambulância nova para o município. A adesão do município de Manicoré ao programa de gestão plena da saúde também foi abordado pelo deputado durante a visita.
Na questão da segurança pública, foi constatada a situação precária do presídio do município e as condições desumanas ali instaladas. A população de Manicoré passa por uma sensação de insegurança, por causa da falta de estrutura de trabalho oferecida aos policias da cidade. 

David Almeida relembrou as ações de valorização das polícias durante a gestão como governador interino, como as promoções e escalonamentos dos policiais militares e civis e a renovação da frota da capital e interior. David ressaltou ainda que, votou favorável às emendas que contemplam pagamento do auxílio fardamento dos PMs, e que está pendente esperando o governo atual cumprir a lei aprovada na Aleam.
O presidente do parlamento estadual fez questão de visitar a estrada do Atininga e o Centro de Educação em Tempo Integral (CETI), ambos entregues quando foi governador. Abordado por alguns professores de Manicoré, David Almeida se colocou à disposição da classe docente para auxiliá-los no acompanhamento da distribuição dos recursos do FUNDEB.

Como governador do Amazonas, David Almeida pagou o FUNDEB aos professores do Estado em um dos maiores feitos da gestão pública à categoria aqui no Amazonas.
Nova Olinda do Norte
Já na parte da tarde, a comitiva do presidente David Almeida seguiu de Manicoré para o município de Nova Olinda do Norte. Na oportunidade, inspecionou a obra de recuperação da orla, que foi dada a ordem de serviço durante sua gestão como Governador do Amazonas.
Em entrevista às duas rádios do município, David Almeida lembrou que incentivou a retomada do Festival Folclórico de Nova Olinda, em setembro de 2017, e fez questão de prestigiar o evento.A estrada do Fontineli, entregue durante seu governo, também fez parte da agenda de visitas em Nova Olinda. Ao ter conhecimento que as obras nas estradas para Autazes e Rosarinho estão paralisadas, o presidente frisou que vai solicitar providências da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra).Como governador interino,   David Almeida autorizou a construção do Centro de Educação de Tempo Integral de Nova Linda do Norte e durante vistoria às obras constatou que a escola deve ser entregue ainda no primeiro semestre deste ano.

David lamentou que a situação no Hospital de Nova Olinda do Norte, Dr. Galo Libanês, não é muito diferente do que foi visto no hospital de Manicoré. A prefeitura de Nova Olinda praticamente mantém sozinha toda a estrutura desde o pagamento de médicos até compras de medicamentos. Como os recursos dos municípios são limitados e o atual governo desde setembro de 2017 não faz o repasse de verbas, a população sofre com o atendimento precário. O último repasse do Estado ao Hospital de Nova Olinda do Norte foi autorizado pelo deputado, quando comandou o Estado.Crítica também se encontra a instalação da Polícia Militar que serve no município como delegacia, quartel e até presídio, com detentos amontoados. O município todo possui um efetivo de 5 policiais militares que se revezam em plantões para garantir a segurança pública e a guarda dos presos. Uma situação extremamente deficiente.

 “Estivemos nos dois municípios ouvindo a população sobre as suas necessidades já que as políticas públicas só terão resultados se elas alcançarem os anseios da população e aí é obrigação nossa ouvir a população”, pontuou o parlamentar.