Defensoria Pública inaugura polo em Parintins e atendimento começa na próxima segunda-feira, dia 27 - Fato Amazônico

Defensoria Pública inaugura polo em Parintins e atendimento começa na próxima segunda-feira, dia 27

 “A partir do dia 27 de novembro, próxima segunda-feira, quando este polo iniciar suas atividades, as cidades de Parintins, Nhamundá, Barreirinha e Boa Vista do Ramos terão defensores públicos permanentes, assim como servidores a serem selecionados entre os moradores para aqui permanecerem”. Com essa afirmativa, marcada pela emoção, o defensor público geral, Rafael Barbosa, inaugurou, ontem 24, a unidade da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM), em Parintins, a primeira no interior.

A solenidade contou com a presença do prefeito de Parintins, Bi Garcia, e do vice-prefeito, Toni Medeiros, do prefeito de Boa Vista do Ramos, Eraldo Trindade, de Nhamundá, Nenê Machado, e de Barreirinha, Glênio Seixas.

Bi Garcia, em seu discurso, destacou a alegria pela instalação do polo, resultado do empenho da administração da DPE-AM junto aos parlamentares, num momento de crise econômica e de escassez de recursos, como uma unidade para atender aos mais necessitados.

A inauguração do Polo de Parintins também contou com a presença de deputados estaduais como Sabá Reis, cujo nome do pai, Zeca Pontes, foi escolhido para denominar a unidade da DPE-AM no município. “Meu pai veio do Nordeste para Parintins, foi julticultor, criador de gado e um homem que ajudava os mais pobres”, disse o parlamentar, lembrando que o pai incorporava o perfil da missão da Defensoria Pública.

O filho mais velho de Zeca Pontes, Francisco Salvador Pontes, conhecido como “Canarana”, com 83 anos de idade, também prestigiou o evento. Estavam na solenidade, ainda, os também deputados David Almeida, Abdala Fraxe, Francisco Souza e Platiny Soares, e o juiz de Direito Fábio César Olintho de Souza.

Após o descerramento da placa e da bênção ministrada pelo bispo da Diocese de Parintins, dom Giuliano Frigeni, o defensor público geral, Rafael Barbosa, chamou os cinco defensores que trabalharão no polo a partir do dia 27 e os apresentou à comunidade. Para ele, os defensores públicos Inácio de Araújo Navarro, Natasha Yukie Hara de Oliveira, Marcos Roberto D’Agnessa Trippo, Lorena Torres do Rosário e Luise Torres de Araújo Lima vão cumprir uma tarefa essencial, que é dar assistência aos menos favorecidos daquela região do Amazonas, mais conhecida como Baixo Amazonas.

   

Para Rafael Barbosa, a inauguração da unidade dá início a um novo momento para a Defensoria Pública, pela necessidade da instituição se fazer presente no interior, de fato, com estrutura fixa e independente de qualquer outro órgão público. “Isso fortalece a isenção em suas ações”, afirmou. 

A implantação de unidades polo no interior está só começando, prosseguiu o defensor. “Parintins é o primeiro polo. No ano que vem, teremos mais quatro polos. Estamos indo para o interior de forma estruturada, sem depender de favor de nenhum tipo de órgão público”, assegurou.

Funcionamento – O Polo Zeca Pontes funcionará, a partir de segunda-feira, 27, das 8h às 14hs, na rua Paraíba, 7.331, Itaúna 1. Haverá uma escala de atendimento nas cidades atendidas pelo Polo de Parintins e o assistido que mora em cada um dos municípios alcançados pela unidade, poderá ir até Parintins para receber seu atendimento integral. A unidade polo terá atribuição em todas as áreas do Direito, Cível, Família, Criminal, Infância e Juventude, Idoso etc.

Os defensores públicos também atuarão junto à Comarca de Parintins e nas comarcas que integram o polo, na realização de audiências e em todos os atos processuais pertinentes.

Disk Defensoria – Os assistidos do polo de Parintins poderão também utilizar o Disk Defensoria, Disk-129, podendo ter acesso a todas as informações de que precisarem, ligando de graça.