O deputado delegado Péricles (PSL) esteve, na tarde da última quarta-feira (20), no Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), com representantes da Associação de Moradores do Conjunto Águas Claras. Em reunião com o diretor-presidente do órgão, Cláudio Guenka, o parlamentar levou os moradores ao órgão para apresentarem as demandas referentes ao local. Invasões em Áreas de Preservação Permanente (APP) também foram denunciadas pelos moradores.

“Tivemos uma reunião muito proveitosa com o diretor-presidente do Implurb, Cláudio Guenka, que se comprometeu analisar e fiscalizar as áreas do conjunto. Nossa missão no Parlamento será fiscalizar, independentemente se forem questões municipais ou estaduais. O que não podemos é deixar que irregularidades aconteçam em nosso Estado e nada seja feito”, destaca o deputado.

Além disso, o deputado irá enviar à Secretaria Municipal de Educação (Semed) um ofício pedindo informações sobre a construção de uma escola no bairro e outro para a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), pedindo fiscalização para o combate às invasões na área verde no conjunto.

O diretor-presidente do Implurb, Claúdio Guenka, solicitou ao deputado que encaminhe um requerimento ao instituto informando os problemas e garantiu encaminhar uma equipe de fiscais ao local.

Moradores

De acordo com a vice-presidente da Associação de Moradores, Rosângela Sampaio, há muito tempo ela e os demais representantes da comunidade buscam ajuda para tentar impedir as desordens no local.

“Hoje com a presença do deputado Péricles foi nota mil. Já tivemos outras reuniões, mas não adiantou nada. A gente sempre reclama para que essas invasões não se alastrem e acabem com a área verde que temos lá. Se ninguém fizer nada, em breve estará tudo ocupado irregularmente. Além disso, queremos saber sobre a questão de uma escola que estamos precisando para nossas crianças”, finalizou.