Deputado denuncia funcionamento de usina de asfalto da empresa Construtora Soma sem alvará - Fato Amazônico

Deputado denuncia funcionamento de usina de asfalto da empresa Construtora Soma sem alvará

O deputado José Ricardo e o vereador Professor Bibiano (PT) ingressarão com uma representação no Ministério Público do Estado (MP-AM) contra a usina de asfalto de propriedade da empresa Construtora Soma Ltda, localizada na Avenida Torquato Tapajós. A atividade da usina estaria ocorrendo, segundo informações preliminares, mesmo sem ter o alvará de funcionamento e com as licenças ambientais emitidas pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semma) e pelo Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) vencidas.

A denúncia dos prejuízos causados pela instalação da usina foi feita pela instituição "Irmãs Salesianas da Casa de Repouso Oásis São José" ao deputado José Ricardo. As moradoras da casa de repouso são idosas, com idade entre 75 a 96 anos, que utilizam o espaço para repousar e desenvolverem trabalhos missionários. Os moradores relataram que devido à poluição ambiental e sonora produzida pela usina eles estão sendo acometidos de problemas auditivos e respiratórios, inflamação de garganta, coceira nos olhos e na pele.

“Essa empresa tem um contrato milionário com a prefeitura, mas não cumpre exigências básicas para o funcionamento. E, as consequências já estão sendo sentidas porque tem pessoas sendo prejudicadas com sérios problemas de saúde por causa da fábrica”, disse o deputado.