O atacante Sérgio Díaz teve sua primeira chance como titular no último final de semana, contra o Bahia, na Arena Corinthians, e espera retomar o seu melhor futebol com a camisa alvinegra. Cedido por empréstimo ao clube até o final do ano que vem, porém, o paraguaio não esconde que seu desejo é estar bem para, no momento em que acabar seu contrato no Brasil, voltar ao Real Madrid, dono dos seus direitos econômicos.

“Esses jogos que restam eu tenho que aproveitar ao máximo, tratar de jogar o máximo de minutos que possa para que eu possa firmar-me aqui no futebol brasileiro. No domingo vou com tudo para que consiga ir bem no ano que vem e completar o sonho de voltar ao Real Madrid”, comentou o atacante, que até viu pontos positivos no fato de Santiago Solari, antigo treinador seu no time B dos espanhóis, atualmente estar no comando do time profissional.

“Acho muito legal que o Solari esteja no time de cima, me conhece muito bem, sabe o que eu posso dar como jogar. Espero que vá bem nesse período, é muito bom treinador, espero que ele consiga os resultados”, avaliou Díaz, claramente na expectativa para saber se pode render bem no futebol europeu.

Contratado pelos madridistas após se destacar em 2016 pelo Cerro Porteño, Díaz só foi aproveitado no time B e estava cedido ao Lugo, da segunda divisão espanhola, quando rompeu o ligamento cruzado do joelho direito, em novembro de 2017. Retomando a confiança, o atleta diz que ainda não consegue fazer tudo o que sabe.

“Me sinto muito bem, sem dor, já não sinto medo jogando, isso é importante também. Tenho que reconhecer que o físico me dificulta um pouco, porém. Acho que só jogando jogos em sequência que vou retomar esse ritmo. Contra o Bahia eu senti um pouco, isso de correr e recuperar. Tirando isso, estou bastante bem, com vontade de demonstrar coisas que antes eu fazia”, concluiu o jogador de 20 anos, que deve voltar à reserva contra o Botafogo, no domingo, no Engenhão.

Com 39 pontos conquistados na tabela de classificação, o Timão está cinco acima da Chapecoense, primeira equipe da zona de rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro. O Fogão, quatro pontos abaixo, tenta uma vitória para encostar no Alvinegro e embolar a briga para se livrar do descenso. (Gazeta Esportiva)