Educadores da rede municipal são selecionados na etapa estadual do Prêmio Professores do Brasil - Fato Amazônico

Educadores da rede municipal são selecionados na etapa estadual do Prêmio Professores do Brasil

Nove professores da rede municipal de educação, que atuam em Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) e Escolas de Ensino Fundamental (Emefs), foram selecionados para a etapa Regional da 10ª Edição do Prêmio Professores do Brasil, promovido pelo do Ministério da Educação (MEC). Os projetos escolhidos abordaram temas variados como brincadeiras e aprendizados, reaproveitamento de água e sustentabilidade, saúde na infância, uso da matemática no dia a dia, incentivo a leitura, entre outros.

Nesta etapa, duas professoras foram vencedoras e outros sete destaques e serão premiados com uma placa em homenagem ao desempenho no Prêmio em seu Estado. Após esta etapa, os vencedores participarão da disputa regional, onde concorrerão a R$ 7 mil reais, troféu, uma viagem apoiada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) para participar em programa de capacitação na Irlanda e equipamentos de informática com conteúdo educativo para as escolas.

Já na etapa Nacional, os vencedores receberão R$ 5 mil reais e troféu. Segundo a coordenação do Prêmio Professores do Brasil as datas para premiação serão divulgadas até o mês de novembro.

A professora Clijes Ramos Aragão, que leciona de manhã e a tarde na Escola Municipal Nossa Senhora Aparecida, no bairro Jorge Teixeira, em turmas de 1ª período da Educação Infantil, foi uma das vencedoras na seleção estadual. Durante nove dias Clijes trabalhou com os alunos o projeto “Experiências, brincadeiras e aprendizado- Fenômeno da Natureza”, utilizando brincadeiras e experiências envolvendo a natureza.

Para ela, o motivo da escolha do tema foi a curiosidades das crianças. “Os alunos ficaram muito envolvidos com a atividade, realizamos experiências sensoriais, misturamos cores para trabalhar o arco-íris, assistimos vídeos, fizemos brincadeiras lúdicas e a partir dessas atividades os alunos obtiveram conhecimento sobre fenômenos da natureza”, explicou.

A outra professora classificada nesta etapa da competição foi Fabiane Bandeira Viana, que trabalha no Cmei Professora Santina de Castro Pereira, bairro Novo Aleixo, zona Norte da capital e desenvolveu o projeto ‘Reaproveitamento da água e sustentabilidade: Conservando para Preservar!’.

Classificação das unidades

Vencedoras:

E.M Nossa Senhora Aparecida

Professora: Clijes Ramos Aragão

Projeto: Experiências, brincadeiras e aprendizado- Fenômenos da Natureza.

CMEI Professora Santina de Castro Pereira

Professora: Fabiane Bandeira Viana

Projeto: Reaproveitamento da água e sustentabilidade: Conservando para preservar!

Destaques:

CMEI Heliodoro Balbi

Professora: Maurineia Garcia da Silva

Projeto: Os pequeninos cuidando da saúde desde a infância.

CMEI Professora Diedres Gama Machado

Professora: Ana Cristina Messias

Projeto: A matemática está em tudo: do pingo do i ao dedão do pé

E.M João Padre Dvries

Professor: Dennys Ferreira

Projeto: Jogos de Construção e Interdisciplinaridade: Ferramentas norteadoras na construção de novos saberes

E.M Professora Maria Aimê Bezerra de Souza

Professora: Luciana Moraes

Projeto: Projeto Super Leitor

E.M Professor Agenor Ferreira Lima

Professora: Janeide Silva

Projeto: Ler é compreender

E.M Professora Martinha Correa dos Santos

Professora: Raquel Munhoz

Projeto: As peripécias de um Papagaio – uma anedota interessante com as tecnologias na sala de aula

E.M Vicente de Paula

Professora: Luciana Silva

Projeto: Construção de instrumentos musicais artesanais : registrando o passo a passo através da animação