Os “rolezinhos” em Manaus se depender da juíza Simone Laurent de Figueredo, plantonista do Fórum Ministro Henoch Reis, que concedeu liminar ao Amazonas Shopping contra os participantes do movimento, não irá acontecer. Eles marcaram para à tarde deste sábado o encontro, mas diante da decisão da magistrada que estipulou em caso de descumprimento multa no valor de R$ 10 mil.

O Amazonas Shopping, temendo pela segurança dos estabelecimentos que funcionam no local ingressou ontem com o pedido da liminar, especialmente neste sábado, quando estava marcado o encontro dos “rolezinhos”.

Na liminar a magistrada proibi os participantes dos "rolezinhos" de praticarem atos que impliquem ameaça à segurança dos frequentadores, comerciários e comerciantes e ainda evitando tumultos, correrias, algazarras, atos de vandalismo, uso de equipamentos de som em alto volume, bem como não interfiram no regular funcionamento do estabelecimento Requerente, quer seja no interior do shopping.

Ainda na sua decisão a juíza determina que o shopping possa limitar o número de freqüentadores durante as manifestações, bem como ordenar a proibição de menores desacompanhados dos pais ou responsáveis.