Para diminuir os impactos causados pela execução das obras do Programa de Saneamento Integrado de Maués (Prosai em Movimento), o Governo do Amazonas, por meio da construtora Etam utiliza caminhões pipa para realizar diariamente aspersão de água nas ruas de Maués, a Terra do Guaraná (a 268 quilômetros de Manaus). A ação faz parte do Procedimento Operacional (P.O. 03) de controle ambiental da obra, do sistema de gestão socioambiental da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), baseado na política ambiental do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), financiador do programa.

O Prosai trabalha para revitalizar as lagoas do Prata e do Maresia e também para melhorar a rede de esgoto e o abastecimento de água de Maués. O município recebe ainda obras de asfaltamento realizadas pelo Governo do Amazonas, através da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra). A movimentação de veículos e máquinas em solo seco produz poeira e a aspersão de água ajuda a amenizar essa situação. Ao todo, são utilizados 120 mil litros de água diariamente. “Na elaboração do projeto do Prosai foram enumerados todos os impactos que ocorreriam durante o período da obra. E a poeira já estava prevista, por isso, a aspersão de água diária foi pensada como medida mitigadora para diminuir esse impacto. A ação é realizada em toda cidade várias vezes ao dia, principalmente onde a concentração dos serviços é maior”, comentou Mayza Angst, engenheira ambiental da UGPE.  “O objetivo do Prosai é justamente melhorar a qualidade de vida da população de Maués, por isso esse procedimento de aspersão de água é importante para o meio ambiente, mas principalmente para a população”, completou a engenheira.

A medida foi aprovada pela população, que entende que a poeira é algo passageiro. “Não vejo a hora de ver a nossa lagoa revitalizada, teremos uma área linda para passear, nossa cidade está sendo valorizada. Por isso, entendo que a questão da poeira é o de menos, até porque todos os dias o caminhão pipa passa aqui na minha rua. Então, precisamos pensar no resultado final, que é ter uma cidade melhor”, afirmou Raimunda Pavão, moradora do entorno da lagoa do Maresia.

Sobre o programa – O ProsaiMaués é um programa executado pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de  Estado de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Manaus (SRMM) e Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), com investimento de R$ 56.664.213,31. As Lagoas de Maués ganharão espaço para recreação infantil, piquenique, atividades esportivas, exposição, estacionamento e ciclovia. Ao todo, 63 mil habitantes serão beneficiados com os projetos sociais e ambientais, além de melhoria urbanística e econômica, em virtude do turismo.