Em Nova York, Amazonino assegura divulgação da cultura amazonense em eventos norte-americanos tradicionais - Fato Amazônico


Em Nova York, Amazonino assegura divulgação da cultura amazonense em eventos norte-americanos tradicionais

O governador Amazonino Mendes e o presidente da Empresa Estadual de Turismo (Amazonatur), Orsine Oliveira Junior, estiveram reunidos, ontem (19/04), com representantes do Consulado Brasileiro, em Nova York (EUA), para formatar oportunidades de divulgação da cultura amazonense nos Estados Unidos. Entre as ações, estão as apresentações dos bois-bumbás Garantido e Caprichoso em eventos como “Summer Stage”, “Brazilian Summer Fest” e o “Brazilian Day”.

Em dezembro do ano passado, na Embaixada do Brasil em Washington, capital dos EUA, o governador Amazonino encontrou com gestores do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e do Instituto Smithsonian, o maior administrador de museus norte-americanos, para falar sobre o potencial econômico do turismo sustentável no Amazonas. Naquela ocasião ficou decidido que, em setembro deste ano, durante as comemorações da Semana da Pátria do Brasil, em Washington, o Amazonas vai expor a cultura e potencialidades.

No Consulado, nesta quinta-feira, foram detalhadas as ações culturais já confirmadas no The John F. Kenedy Center Performing Art’s (Centro de Artes), durante a série de atividades que serão desenvolvidas no período de 3 a 10 de setembro, no decorrer da “Semana do Amazonas”, em Washington.

De acordo com o governador Amazonino Mendes, as missões do Governo do Amazonas nos Estados Unidos têm alcançado bons resultados, a exemplo de parceria firmada para melhoria das ações na área de segurança pública e de divulgação da cultura amazonense, com o objetivo de atrair mais turistas norte-americanos ao Amazonas.

“Aqui nos EUA, não apenas tratamos sobre a questão da segurança, mas estivemos também em Washington, com o embaixador Sérgio Amaral (em dezembro passado), que nos propôs celebrar a ‘Semana da Pátria do Brasil nos EUA’, que é uma tradição, com o nosso folclore, com a nossa riqueza folclórica, com a nossa culinária enfim, dando para nós uma condição especialíssima, um alentamento do nosso turismo”, disse Amazonino.

O governador ressaltou que outras iniciativas estão sendo discutidas para ampliar o turismo no Amazonas, incluindo a prospecção para implantação de novos voos diretos entre os EUA e Manaus.  “Hoje, nós estamos no Consulado Geral do Brasil nos EUA, onde fomos recebidos amavelmente por todos, procurando fazer uma integração de trabalho, com visto à otimização desse programa que está criando desdobramentos, fazendo com que se amplie as condições de turismo no Amazonas, onde se tratou, inclusive, a provisão de novos voos. Afinal, o que estamos fazendo aqui é tentar fazer com que toda a nossa riqueza possível seja aproveitada. Nós precisamos fazer isso”, frisou Amazonino.

Durante o encontro, o presidente da Amazonastur, Orsine Junior, destacou que o aumento da oferta de voos dos Estados Unidos para o Amazonas já garante o crescimento do fluxo de turistas norte-americanos no estado.

Vitrine – Na reunião, o cônsul Marco Nakata destacou a importância dos eventos amazônicos viabilizados pelo Governo do Estado, em Nova York, por ser a cidade uma “vitrine cultural do mundo”, com o mercado local aberto a novidades como os bois de Parintins e a culinária e artesanato amazônicos.

A semana brasileira nos Estados Unidos incluirá evento empresarial sobre o potencial do turismo ecológico na Amazônia e atividades culturais, com a participação de artistas amazônicos.