Francisco Garcia e sua filha Rebecca Garcia comandaram a reunião a portas fechadas na sede do partido

Em uma reunião na sede do Partido Progressista (PP), no bairro do Parque 10, à portas fechadas, na tarde desta terça-feira (12), o médico e empresário Francisco Rodrigues Garcia comunicou oficialmente  a sua saída da presidência do Diretório Estadual do PP. Ocasião do comunicado estavam presentes os deputados estaduais Belarmino Lins, Álvaro Campelo e Dermilson Chagas e mais a ex-deputada federal Rebecca Garcia (filha de Garcia) e o secretário-geral do PP, Walter Roberto Sipelli.

Garcia informou a todos que o deputado federal Átila Lins é o novo presidente do Diretório no Amazonas.

A deputada Mayara Pinheiro, campeã de votos nas eleições de 2018 com mais de 50 mil votos, que não anda de bem com Rebecca Garcia, não participou da reunião.

A noticia bombástica divulgada em primeira mão na madrugada desta terça-feira (12) pelo Fato Amazônico de que Francisco Garcia tinha perdido à presidência do PP para Átila Lins movimentou o meio político na capital amazonense.

O secretário-geral do PP, Walter Sipelli, procurado pela colunista da rádio Band News Difusora FM, Rosiene Carvalho, mesmo sabendo desde a última sexta-feira (8) que Garcia tinha perdido a presidência do partido negou a informação a jornalista e desconversou.

Telefonema

Desde a última sexta-feira (8), Francisco Garcia sabia que Á,tila Lins era o novo presidente do PP no Amazonas. Ele chegou a ligar para o presidente nacional da agremiação partidária senador Ciro Nogueira.

“Temos de prestigiar os deputados federais”, ouviu Garcia de Ciro que, em abril do ano passado, convidou Átila para ingressar no PP.

Átila Lins deixou o PSD, do senador Omar Aziz, após sete anos de filiação. Átila e o seu irmão, Belarmino Lins, que estava sem partido, desde que tinha abandonado o PROS, do ex-governador José Melo, cassado pela Justiça Eleitoral em 2017, se filiaram ao Progressistas.

Diante do convite de Ciro Nogueira, os Lins começaram a manobra para assumir o partido que há 10 anos era comando por Francisco Garcia.

Contas

De acordo com fontes do Fato Amazônico, apesar de Átila Lins já ser de fato presidente do Diretório Estadual, o secretário-geral do PP, Walter Sipelli, irá repassar tudo ao novo comandante do partido somente em abril depois da prestação de contas.

PERNADA: Francisco Garcia perde o comando do PP no Amazonas para Átila Lins