ESBAM busca bicampeonato no XI Júri Simulado do Ministério Público do AM - Fato Amazônico




ESBAM busca bicampeonato no XI Júri Simulado do Ministério Público do AM

A Escola Superior Batista do Amazonas – ESBAM, participará a partir de amanhã, às 9h, do XI Concurso de Júri Simulado do Ministério Público do Amazonas – Promotor de Justiça João Valente de Azevêdo, que acontece no Auditório do MP/AM, na Ponta Negra.

Em busca do bicampeonato, os acadêmicos do curso de direito da ESBAM, Alan kelson de Lima Fonseca, Nilton Mendes Pinto Júnior e Giovanni Tavares Rodrigues, abrirão o evento representando o Ministério Público e enfrentando a Faculdade Martha Falcão, que será a defesa no processo do júri simulado.

O concurso procura contribuir para o crescimento dos acadêmicos que cursam direito, estreitando a relação entre teoria e prática. Caso a ESBAM vença a primeira fase da simulação, a mesma participará da semifinal, que acontece na quinta-feira (28), às 14h, sendo a defesa no processo contra a Universidade Federal do Amazonas (UFAM).

O Júri Simulado do Ministério Público do Amazonas oferece as premiações que variam de R$ 700,00 a R$ 1.500,00 para os estudantes que obtiverem melhor desempenho. O grande ápice do evento, acontece na sexta (29), a partir das 14h com o júri final.

A ESBAM foi campeã como equipe no X Júri Simulado João Bosco de Sá Valente, representada pelos acadêmicos Victor Porto Almeida, Jaqueline Oliveira de Paula e Yohanna Jaamel Sousa Menezes. Sendo a atual campeã, a Instituição buscará pelo Bicampeonato no XI Júri Simulado João Valente de Azevedo, com os acadêmicos Alan kelson de Lima Fonseca, Nilton Mendes Pinto Júnior e Giovanni Tavares Rodrigues, que serão orientados pelo Professor Paulo Trindade.

Serviço:

Quê: XI Concurso de Júri Simulado do Ministério Público do Amazonas – Promotor de Justiça João Valente de Azevêdo.

Quem: Participação da atual campeã, Escola Superior Batista do Amazonas – ESBAM.

Quando: 27 (às 9h), 28 e 29 de novembro (14h).

Onde: Auditório do Ministério Público do Amazonas, na Ponta Negra.