Estadão faz referência ao nome de Arthur Neto diz que o governo do Amazonas e o Senado são os seus principais objetivos políticos - Fato Amazônico

Estadão faz referência ao nome de Arthur Neto diz que o governo do Amazonas e o Senado são os seus principais objetivos políticos

O prefeito Arthur Virgílio Neto (PSDB) pode até não vir a concorrer à Presidência do partido dos tucanos em eleição convocada para o próximo sábado, dia 09.

Até o momento, como diz a colunista do Estadão, Vera Magalhães, Arthur continua firme no seu propósito, apesar das investidas do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso de dissuadi-lo da ideia.

Fica claro, portanto, na percepção da articulista do Estadão, que Arthur Neto é um político com grande capacidade de articulação e que não submeteu o seu nome às prévias das eleições do PSDB por acaso.

Diz a colunista que, embora ninguém leve a sério nem sequer a real disposição do ex-senador de disputar a Presidência, o prefeito de Manaus quer se manter em evidência pelos próximos meses para depois engatar uma candidatura ao governo do Amazonas ou ao Senado.

Na avaliação da colunista, a convenção do PSDB esbarra na realidade de um partido para lá de dividido e o mais provável é que Alckmin, além de não ser aclamado, ainda tenha de posar para a tradicional foto com braços levantados ao lado do presidente licenciado do partido, Aécio Neves.