Grupos prioritários devem se vacinar contra a gripe até o dia 23 - Fato Amazônico

Grupos prioritários devem se vacinar contra a gripe até o dia 23

Até o final da manhã de sexta-feira, 16, Manaus já registrava a vacinação de 366.816 pessoas contra a gripe, ou seja, 93,7% da meta. A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza encerra-se na capital amazonense no dia 23 de maio e a aplicação da vacina é apenas para os grupos prioritários estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Apesar de a capital do Amazonas ter sido a primeira do País a atingir, ainda na sexta-feira, 09, a meta de 80% do público-alvo, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) continua imunizando contra a doença e convoca, principalmente, as grávidas e crianças menores de cinco anos para se protegerem contra a gripe. “A nossa meta de 80% foi atingida e fomos a única capital a ter sucesso na vacinação. Tudo isso, graças ao empenho das nossas equipes e a ajuda da imprensa, que divulgou maciçamente”, afirmou o secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão.

A Semsa lembra que fazem parte do grupo prioritário crianças de seis meses a menores de cinco anos, pessoas com idade a partir de 60 anos, os trabalhadores de saúde, os povos indígenas (aldeados), as mulheres gestantes, as puérperas (até 45 dias após o parto), a população privada de liberdade, os funcionários do sistema prisional, os grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

“As pessoas com doenças crônicas, como hipertensão e diabetes, além de outras condições clínicas especiais, devem apresentar declaração do médico de que possuem essas doenças”, afirmou a chefe do Programa de Imunização da Semsa, Isabel Hernandez.

A vacina da gripe protege contra os três subtipos do vírus que mais circularam no inverno passado (A/H1N1; A/H3N2 e influenza B). O município de Manaus conta com 400 mil doses. “Os grupos prioritários são definidos pelo Ministério da Saúde, considerando que são formados por pessoas mais vulneráveis em relação à doença, como crianças e idosos. A vacina é a principal arma para reduzir as complicações, as internações, os óbitos e os casos graves por gripe”, alerta Homero de Miranda Leão.

Postos

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe (Influenza) começou no dia 22 de abril. A vacina pode ser tomada por integrantes dos grupos prioritários até a próxima sexta-feira, dia 23, nas Unidades Básicas de Saúde, das 8h às 17h.A população também pode procurar a vacina em horário noturno nas dez Unidades Básicas de Saúde (UBSs) que funcionam em horário estendido, de segunda a sexta-feira, das 7h às 21h, e aos sábados, 7h às 13h, localizadas nas zonas Norte, Sul, Leste e Oeste.

As dez unidades de saúde que funcionam em horário noturno e aos sábados (das 7h às 13h) são:

1 – UBS Balbina Mestrinho – Rua 17, nº 170, Núcleo II, Cidade Nova I;

2 – UBS Sálvio Belota – Rua das Samambaias, nº 786, Santa Etelvina;

3 – UBS Áugias Gadelha – Rua A, nº 15, Cidade Nova I;

4 – UBS Amazonas Palhano – Rua Antônio Matias, s/nº, São José II;

5 – UBS Alfredo Campos – Rua André Araújo, s/nº, Zumbi II;

6 – UBS Leonor Brilhante – Av. Autaz Mirim, s/nº, Tancredo Neves;

7 – UBS Dr. José Rayol dos Santos – Av. Constantino Nery, s/n, Chapada;

8 – UBS Morro da Liberdade – Rua São Benedito, s/n. Morro da Liberdade;

9 – UBS Leonor de Freitas – Avenida Brasil, s/nº, Compensa II;

10 – UBS Deodato de Miranda Leão – Av. Presidente Dutra, s/nº, Glória.