Principal reforço do São Paulo para 2019, Hernanes ainda não conseguiu apresentar o futebol esperado neste retorno ao clube do Morumbi. Vindo da China, o meia tem lutado contra problemas físicos que vêm atrapalhando seu rendimento dentro de campo.

Contratado no fim de dezembro, o Profeta veio de uma temporada em que sofreu com lesões no Hebei Fortune-CHN. Uma contusão na coxa o afastou dos gramados por mais de dois meses, inclusive.

Ao final do Campeonato Chinês, em novembro, Hernanes havia disputado apenas 14 partidas e anotado quatro gols. Embora não estivesse em sua melhor forma, participou normalmente da pré-temporada do Tricolor nos Estados Unidos, atuando contra Eintracht Frankfurt-ALE e Ajax-HOL pela Copa Flórida.

No retorno ao Brasil, porém, a comissão técnica detectou um desequilíbrio muscular no atleta e elaborou um cronograma especial para ele, poupando-o das três primeiras rodadas do Campeonato Paulista. A ideia era tê-lo em condições ideais para os duelos decisivos com o Talleres-ARG, pela Copa Libertadores.

Hernanes, então, estreou no Estadual na derrota para o Guarani, no Pacaembu, onde jogou por cerca de 30 minutos na etapa complementar. Na partida seguinte, com mais tempo, marcou o gol da vitória sobre o São Bento e deu a impressão de que poderia liderar o São Paulo rumo à classificação na Libertadores.