A Secretaria-Adjunta de Inteligência (Seai), com apoio da Força-Tarefa da Secretaria de Segurança Pública (SSP), apreendeu ontem à noite cerca de 250 quilos de drogas armazenadas em uma caixa de isopor dentro de uma casa localizada na Rua Marrecas, Conjunto Canaranas, Zona Norte de Manaus. A droga seria de Alan de Souza Cartimário, o “Nanico”, um dos homens de confiança da Família do Norte, facção criminosa liderada por Gellson Carnauba e Zé Roberto da Compensa. Na residência foram presos em flagrante Ricardo Figueiredo Araújo, 23, o taxista Paulo Silva Santos, 45, e uma adolescente.

Na casa além dos 250 quilos de droga entre maconha prensada, cocaína e pasta-base de cocaína e skank os policiais apreenderam uma pistola calibre 380, munições e anotações de encomendas de traficantes que cumprem pena nos regimes fechado e semi-aberto do sistema penitenciário, segundo explicou o secretário-adjunto da Seai, Tomaz Vasconcelos.

De acordo com Thomaz, a droga é de Alan de Souza Castimario, 32, o “Nanico”, que recentemente retornou do presídio federal do Rio Grande do Norte. Ele é acusado de vários homicídios e de comandar o tráfico de drogas na cidade. Nanico foi preso em 2012 e 2013 pela Seai, durante a ‘Operação Aliança’.

Thomaz explicou que 217 quilos são de maconha prensada e seis quilos de uma droga conhecida como skank, que é a maconha com uma concentração ainda maior THC. A droga veio do Paraguai.

Os acusados, incluindo o ‘Nanico, vão ser indiciados por associação ao tráfico e por tráfico de drogas. Ricardo e Paulo serão encaminhados para o presídio do Puraquequara e a adolescente para a Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Deaai), no Alvorada.