O chefe de polícia do município de Tonantins, o investigador da Polícia Civil Karl Marx de Araújo Gomes, foi preso em flagrante, neste domingo por policiais militares do Batalhão de Trânsito, na barreira da estrada Manoel Urbano, nas proximidades da Ponte Rio Negro, com cerca de 250 quilos de cocaína.

O policial e um outro homem, que não teve o nome revelado, estavam em uma picape quando foram abordados pelos policiais militares. Além da imensa quantidade de droga, foram apreendidas pistolas e uma metralhadora.

Os policiais acionaram a Polícia Federal, que esteve na barreira e conduziu os acusados a Superintendência da Polícia Federal, no bairro do Dom Pedro, Zona Centro-Oeste de Manaus, onde o auto de prisão em flagrante está sendo lavrado.