Ipem-AM fiscaliza Ovos de Páscoa em Manaus - Fato Amazônico

Ipem-AM fiscaliza Ovos de Páscoa em Manaus

Tendo em vista as comemorações da Páscoa e a procura pelos ovos de chocolate, o Governo do Amazonas, por meio do Instituto de Pesos e Medidas (Ipem-AM), realiza, desde o dia 24 de março a coleta de várias marcas de Ovos de Páscoa nos diversos estabelecimentos da cidade. E nesta quinta-feira, dia 3 de abril, às 9h, na sede do órgão, os fiscais iniciarão os exames periciais nos ovos coletados, para verificar se o peso declarado na embalagem e os brindes contidos no produto atendem à legislação do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

De acordo com o diretor-presidente do Ipem-AM, engenheiro Márcio André Brito, todos os produtos recolhidos serão examinados e testados pelos fiscais do órgão. “A operação páscoa é realizada todos os anos pelo Ipem, e este ano a meta é fiscalizar 13 mil unidades de ovos, a fim de garantir que o consumidor ao fazer aquisição deste produto, não seja lesado”, disse Márcio André Brito.

Brito ressalta ainda que, o consumidor deve ficar atento para o peso do produto e não para a numeração, pois em caso de duvida procure uma balança eletrônica no próprio estabelecimento, verifique se existe o selo do Inmetro que é a garantia que esta balança passou pelos testes do Ipem e está correta, e em seguida faça uma simples pesagem.

O presidente ainda dá dicas de como fazer um teste rápido para o consumidor que se sentir lesado. “Pegue o produto coloque sobre a balança, e observe se a indicação está superior ao peso que está na embalagem, como por exemplo, um ovo de 200 gramas, quando pesado deverá ter no mínimo 210 gramas. E no caso dos brindes contidos nos ovos, os pais devem ter uma atenção maior, pois os brinquedos devem ter o selo do Inmetro, além de atender a faixa etária da criança, e as informações devem está em português.

Caso haja irregularidades, será lavrado um auto de infração onde o proprietário receberá um prazo de dez dias para apresentar defesa junto ao órgão. E as multas variam de R$ 1.200 a R$ 500 mil reais.

Em caso de dúvidas ou denúncias o consumidor pode entrar em contato com a Ouvidoria do Ipem-AM pelo 0800-092 2020, que funciona de segunda a sexta-feira, de 8h às 12h (manhã) e de 13h30 às 16h30.