'Jesus sobe no pé de goiaba' chegou a ser vendido em site de editora, mas não foi entregue a leitores; nome dela foi apagado da capa há uma semana

Metrópoles | A publicação do livro “Jesus sobe no pé de goiaba”, que tinha previsão inicial de ser publicado em 30 de dezembro pela editora Canadense com autoria da titular do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, foi suspensa. Ainda não há previsão de data para novo lançamento.

Reportagem do jornal “O Globo” informa que a assessoria jurídica do ministério ocupado por Damares realizou uma “atualização necessária” e a obra só será lançada após a “liberação” do órgão. Damares disse ao jornal que não escreveu a obra. O seu nome, no entanto, constava como um dos autores.

O outro nome que aparece na capa é de Mauri Filho, dono da editora Canadense.

O preço inicial do livro era de R$ 34,90 em pré-venda, no site da editora. A editora também havia anunciado um lançamento no dia 30 de dezembro na Igreja Nazareno, Central de Brasília, seguido de um culto. Na ocasião, interessados também podiam fazer a compra de uma caixa com 100 exemplares por R$ 1.745.

Porém, no dia do lançamento, a ministra Damares publicou em seu Instagram que o evento não ocorreria mais. Ela postou uma nova foto da capa do livro em que aparece apenas o nome de Mauri Filho como autor, sem dar detalhes sobre o cancelamento.

“Estamos dando duas opções para os leitores que já adquiriram o livro Jesus Sobe no Pé de Goiaba: aguardar a liberação do departamento jurídico do Ministério ou receber o estorno da valor pago”, informou a editora.