A jornalista Rosiene Carvalho foi vítima de vergonhosa deselegância da produção do programa (Reprodução do Facebook)

A jornalista Rosiene Carvalho, colunista de política da Rádio Band News Difusora (93.7), seria uma das entrevistadoras da quinta-feira (31/01), do programa Roda Vida, transmitido pela TV Cultura, que teve como convidado o secretário de Educação, Luiz Castro.

Como diria o humorista Jô Soares, no divertido “Planeta dos Macacos”, que já não existe mais, “seria, mas não foi”.

Na realidade, Rosiene Carvalho foi vítima de vergonhosa deselegância da produção do programa que, sem ter como esconder a falta de profissionalismo, usou de evasivas para desconvidar a jornalista.

E o que disseram à jornalista para afastá-la despudoradamente do Roda Vida, das câmeras do programa e do olhar inquieto do Luiz Castro? “O pessoal do governo” considera que sou uma jornalista polêmica e podia enrolar o secretário de Educação”, comentou em nota a comunicadora.

Que coisa feia.

Na realidade, Rosiene não perdeu nada de tão importante. Afinal, qual a audiência do Roda Vida Manaus? Quem assiste? Quem sintoniza a televisão no horário?  

Pois é. Pisaram na bola, feio. Sem contar que perderam a oportunidade de tornar o programa mais palatável pode-se inferir que o Roda Vida não tem produção.

Veja o que escreveu a jornalista

FUI “DESCONVIDADA” PARA A ENTREVISTA COM O SECRETÁRIO DE ESTADO DE EDUCAÇÃO, LUIZ CASTRO, NA TV CULTURA, MANTIDA COM DINHEIRO PÚBLICO ESTADUAL, PORQUE NÃO QUEREM POLÊMICAS

Na tarde desta quarta-feira, dia 30, fui convidada pela produção da TV Cultura a participar de entrevista no programa Roda Viva que teria como entrevistado o ex-deputado estadual e secretário de Estado de Educação, Luiz Castro (Rede de Sustentabilidade).

A entrevista será veiculada na noite desta quinta-feira, dia 31.

Apesar de gostar do programa desde a época de estudante de jornalismo na Ufam, nunca havia participado do mesmo.

Fui convidada nos últimos anos e rejeitei os convites, confesso, em função do formato. Era gravado e outros colegas jornalistas me relatavam queixas sobre as edições.

No entanto, ontem, fui informada que, agora, o Roda Vida é ao vivo. Eu, como jornalista, achei ótimo e fiquei feliz com o olhar da nova direção sobre o programa. Topei na hora, claro.

Faço uma coluna diária de política na Rádio Band News Difusora (93.7) e anunciei na coluna de hoje às 8h aos ouvintes que estaria representando o veículo na entrevista e os convidei a assistir.

Em respeito aos ouvintes da coluna, venho esclarecer porque não vou participar à noite da entrevista.
No meio da manhã, veio o “desconvite”.

E – o pior – a justificativa: eu não podia participar da entrevista porque “o pessoal do governo” considera que sou uma jornalista “polêmica” e “podia enrolar” o secretário de Educação.

Não considero nenhuma das duas sentenças verdadeiras.

Nem eu tenho essa habilidade toda e nem o secretário Luiz Castro é inexperiente para se deixar enrolar em respostas e com sua gestão.

Também estou certa que os demais jornalistas que participarão da entrevista – não tenho conhecimento de quem são – vão fazer as perguntas necessárias ao esclarecimento sobre este tão importante setor do governo e também sobre o que é necessário que o ex-deputado se posicione neste momento.

Creio que a barreira não tenha sido criada por quem construiu imagem inversa ao de censor de perguntas de jornalistas e de assuntos importantes de serem levados a público.

Acho lamentável que este tipo de expediente seja usado numa TV onde o espaço à pluralidade de ideias e a liberdade de expressão deveriam ser maiores que em veículos particulares, porque o conteúdo é bancado com o dinheiro da população.

E, de público, quero deixar claro que não me curvo à censura prévia. Creio que o ex-parlamentar e secretário de Estado Luiz Castro também não.

Por isso, adianto aos ouvintes da coluna e às pessoas que acompanham meu trabalho na internet, que ainda hoje encaminharei formalmente um pedido de entrevista para a assessoria do secretário Luiz Castro.

A entrevista, se for concedida e não vejo motivos para o contrário, como todas as que tenho feito, será veiculada na coluna de política da Rádio Band News Difusora e na minha fan page Rosiene Carvalho.