Juíza revê decisão e aulas no Palas Atena, começam na segunda-feira, dia 20 - Fato Amazônico


Juíza revê decisão e aulas no Palas Atena, começam na segunda-feira, dia 20

Os donos do Colégio Palas Atena, localizado no bairro Parque 10, Zona Centro-Sul, não terão mais que cancelar as matrículas de 400 alunos realizadas para este ano e devolver os eventuais valores pagos. Os estudantes poderão na segunda-feira, dia 20, ir às aulas sem nenhum problema no ano letivo, que começa antecipado devido a Copa do Mundo no Brasil.

A juíza, Maria Eunice Torres do Nascimento, da 9ª Vara Cível de Manaus, chamou o processo a ordem e viu que tratava-se de uma decisão de grande repercussão social, envolvendo centenas de crianças (alunos) que poderão vir a perder o ano escolar, suspendeu a liminar por ele expedida na semana passada, quando determinou aos responsáveis a devolução do dinheiro das matrículas aos pais dos alunos.

Na decisão, desta terça-feira, a magistrada determinou a expedição de mandado de intimação, em caráter de urgência, para que o Colégio Palas Atena, volte a atuar como instituição educacional, mantendo a decisão até o julgamento final da ação de despejo que tramita na 9ª Vara Cível.

De acordo com o proprietário da escola, Paulo Ribeiro, a magistrada viu que sua decisão causaria um prejuízo aos alunos que estavam desde setembro do ano passado, matriculados na instituição de ensino.

Paulo, garantiu que mesmo se a instituição continuasse fechada, os alunos, não teriam nenhum prejuízo. “Iríamos mudar para um prédio aqui perto”, informou, acrescentando que com certeza seria bem mais difícil, uma vez que a escola teria de montar nova estrutura no local.

“Temos 25 anos de existência. Temos um nome na cidade”, acrescentou Paulo, afirmando que para derrubar o conceito de uma escola é rápido, mas para erguer é muito mais difícil.