A vereadora Otacila Lemos deverá disputar a Presidência da Mesa Diretora da Câmara de São Gabriel contra o vereador Eder Lopes

A Presidência da Câmara Municipal de São Gabriel da Cachoeira para o biênio 2019/2020 pode ser definida nas próximas horas com uma nova eleição, conforme determinação da desembargadora Nélia Caminha adotada, terça-feira, 05.

Em Agravo Interno interposto contra a decisão da magistrada, que no dia 8 de janeiro garantiu a posse na Presidência da Câmara Municipal à vereadora Otacila Lemos Barreto, o vereador Alex Gonçalves Fontes propõe uma nova eleição – uma espécie de segundo turno que poria fim no impasse criado pelo empate de 6 a 6 na eleição  para escolha no novo chefe do Poder Legislativo.

No dia 8 de janeiro, a desembargadora Nélia Caminha por meio de mandado de segurança assegurou à vereadora Otacila Lemos Barreto  a posse no cargo já ocupado  pelo colega da mesma, vereador Alex Gonçalves Fontes.

No entendimento da desembargadora, o critério de desempate seria o da idade, ou seja, toma posse como presidente o vereador mais idoso. 

Terça-feira, todavia, Nélia Caminha mudou de entendimento e determinou que novas eleições fossem realizadas no prazo de 48 horas, concedendo prazo de 15 dias para a vereadora Otacila apresente contrarazões.

Veja a decisão