A Justiça do Rio de Janeiro determinou a penhora dos bens de Dado Dolabella para o pagamento de indenização a Esmeralda de Souza Honório, agredida pelo ator durante briga dele com a ex-namorada, Luana Piovani, em 2008, no Rio de Janeiro.

Segundo o “Uol”, como o famoso declara não ter bens para arcar com o valor – ele foi condenado a pagar R$ 40 mil em 2013 -, o desembargador Fernando Cerqueira Chagas quer a penhora do que for recebido em uma ação trabalhista movida pelo artista na 51ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro.

Vale lembrar que na ocasião da briga, Dado e Luana discutiam em uma boate e a camareira tentou ajudar a loira, que caiu no chão. Ao tentar intervir, a veterana acabou empurrada e também foi ao chão, machucando os punhos – seus braços foram imobilizados. (MSN)