Foto: Aguilar Abecassis

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, abriu, nesta quarta-feira (6), os trabalhos legislativos da Câmara Municipal de Manaus. Arthur leu a mensagem inaugural, em que apresentou um diagnóstico da situação da prefeitura e prestou contas ao parlamento das medidas tomadas e das ações já em curso. Os trabalhos foram presididos pelo presidente da Casa, vereador Joelson Silva.

A solenidade aconteceu no plenário Adriano Jorge, com sete novos vereadores empossados no dia 1º de fevereiro. Os parlamentares ocupam o lugar de candidatos eleitos 2018 deputados estaduais e federais, em 2018.

Durante a leitura da mensagem, Arthur Neto afirmou ter recebido a prefeitura em 2013 com rombo de R$ 347 milhões nas contas e R$ 14 milhões foram quitados, caminhando em direção a “dívida zero” na cidade.

“De acordo com os parâmetros da Secretaria do Tesouro Nacional, nós somos umas das raríssimas cidades e estados que merecem a classificação de bom pagador, contas organizadas, previdência em dia e muita respeitabilidade nos órgãos nacionais e internacionais.”, afirmou o prefeito.

Previdência independente

O prefeito de Manaus disse que a Manaus Previdência deve ser independente e que pretende enviar um projeto o quanto antes.