Luz solar traz alegria, melhora sono e previne câncer - Fato Amazônico

Luz solar traz alegria, melhora sono e previne câncer

Brasília, DF… [ASN] – Olá! O ASNTV TV está começando agora, dando sequência à série especial sobre os 8 remédios naturais. Nosso assunto de hoje: luz solar. O sol está aí, todos sabemos, à nossa disposição. Mas por conta da nossa vida sedentária e corrida, em que ficamos presos em escritórios, fábricas, consultórios e em tantos outros lugares, acabamos não desfrutando da luz solar. O que estamos perdendo por conta disso? Para conversar sobre este assunto tão importante, temos aqui o gastroenterologista Doutor Wandregíselo Ponce de Leon Júnior. Acompanhe conosco!

ASNTVTV: Doutor Wandré, muito obrigado por aceitar nosso convite. Quais são os benefícios que a luz solar oferece para nossa saúde?

Doutor Wandregíselo: Sou eu quem agradece, Márcia, o convite de participar do ASNTV. A luz solar realmente traz vários benefícios para nosso corpo. Desde o século V já se sabia desses benefícios e a luz solar era muito utilizada para a cicatrização de algumas lesões de pele. Hoje, isso foi evoluindo, e nós sabemos que a luz solar melhora o humor da pessoa, combate um pouco a depressão, porque estimula a serotonina, e [é importante] principalmente para os idosos, que num dia ensolarado saem de casa para fazer uma caminhada. Isso já traz alegria e estimula muito mais a liberação da serotonina no organismo. A luz solar também contribui para o sono, devido à liberação da melatonina, e isso facilita que a pessoa relaxe mais e tenha um sono melhor. Além disso, a vitamina D também contribui para combater alguns tipos de cânceres, como de mama, de próstata e alguns outros tipos. Então, como eu vinha dizendo, a luz solar também é importante, principalmente por este estímulo da vitamina D, uma precursora que vai absorver melhor o cálcio do nosso organismo, evitando a osteoporose. Nas crianças, quando bebezinhos, a vitamina D também é importante para evitar o raquitismo.

Descuidar do banho de sol gera diversos problemas

ASNTV: São vários aspectos importantes relacionados com a nossa saúde, e o sol contribui para tudo isso. Quando não tomamos sol, que prejuízos acumulamos?

Doutor Wandregíselo: Os estudos mostram que o principal prejuízo da ausência da luz do sol é justamente a não produção da vitamina D no organismo, e isso gera consequentemente osteoporose, raquitismo nas crianças, principalmente relacionado a este fator.

ASNTV: Há outros sintomas relacionados à ausência da vitamina D?

Doutor Wandregíselo: Outros sintomas seriam relacionados a predispor o organismo ao surgimento de algum tipo de câncer também, como mencionei.

Em certos casos, reposição de vitamina D é necessária

ASNTV: E em casos mais graves, doutor, quando a pessoa está com a vitamina D muito baixa, como fazer a reposição de forma adequada?

Doutor Wandregíselo: Geralmente quando os pacientes chegam ao meu consultório, em um tempo em que as pessoas estão dosando muito a vitamina D, vemos que eles têm um baixo índice (desta substância) no organismo. Então, nos acostumamos a fazer primeiro uma reposição oral, uma suplementação de vitamina D, e aconselhar que eles se submetam à luz solar, num período de cinco minutos, duas ou três vezes ao dia.

Automedicação traz malefícios para o organismo

ASNTV: Pouco tempo, não é tão difícil assim. Agora, com relação a esta reposição que o senhor mencionou, hoje em dia é muito comum as pessoas se automedicarem com as vitaminas. Isso é correto ou é melhor procurar auxílio médico para reposição específica da vitamina D?

Doutor Wandregíselo: Não. Toda medicação deve ser orientada pelo médico.

ASNTV: Mesmo as vitaminas?

Doutor Wandregíselo: Mesmo as vitaminas, porque tudo isso, numa dosagem acima do normal, traz também malefícios para o nosso organismo.

Protetor solar e os raios ultravioletas

ASNTV: Doutor Wandré, outro problema que observamos é que as pessoas estão com muito medo do câncer de pele. Aí, quando vamos tomar sol, tomamos um “banho” de protetor solar e bloqueamos a ação do sol no nosso organismo. Como equilibrar estas duas coisas?

Doutor Wandregíselo: Nós sabemos hoje que há três tipos de raios ultravioletas: A, B e C. O tipo A está presente em todas as partes do dia e tem um maior índice de penetração no nosso corpo. O tipo B é responsável por estimular a produção da vitamina D no nosso organismo. Mas, em consequência disso, ele também é responsável pelo surgimento de lesões do câncer de pele. Então, é por isso que a camada de ozônio dá uma proteção permitindo a passagem de pouco raio ultravioleta tipo B, e também do tipo C, que é mais maléfico ainda.

Quanto de exposição solar é necessária?

ASNTV: Só que a camada de ozônio está com problemas…

Doutor Wandregíselo: Como há um grande prejuízo na camada de ozônio devido à poluição, até os raios do tipo C estão passando. Então, entre 10 e 16 horas, são os horários em que os raios tipo B estão mais atuantes. Não é preciso a exposição ao sol, mesmo estando nublando ele passa através das nuvens e atinge nosso corpo. A penetração dele não é muita, ele só penetra ali a parte da pele. Com isso, ele consegue estimular a formação da vitamina D3. E é muito importante que tenhamos, pelo menos, cinco minutos neste horário, apesar de ser um horário de risco, por conta da destruição da camada de ozônio, mas pelo menos cinco minutos, duas ou três vezes ao dia, no máximo, para que haja um estímulo desta vitamina D no nosso organismo.

ASNTV: Está ótimo! Doutor Wandré, muito obrigada pelas informações que o senhor trouxe para nós! Você viu a importância da luz solar. Nós temos de tomar cuidado, tem os horários adequados conforme ele mencionou, mas a ação da luz solar na nossa vida é impressionante, não é? Mexe com o nosso humor, mexe com nosso sono, por isso vamos tomar conta deste aspecto também. E a Bíblia fala sobre este assunto. Olha que interessante, em Malaquias 4:2 lemos o seguinte: “Para vós outros que temeis o meu nome nascerá o Sol da Justiça, trazendo salvação (cura) nas suas asas”. Veja que comparação interessante: o Sol da Justiça, Jesus, traz cura para nós, assim como o sol físico também traz cura, traz saúde para o nosso organismo. Fica aí para você a informação. Um grande abraço e até o nosso próximo encontro! [Transcrição e adaptação, de Márcio Basso Gomes]

Para outras informações, visite http://www.adventistas.org/pt/saude/8-remedios-naturais/