Foto: Mauro Neto

As artes marciais irão dominar o Centro de Convivência da Família Magdalena Arce Daou (bairro Santo Antônio, zona oeste), neste sábado (03/11), a partir das 8h, com a realização de três eventos na área de lutas, que são o 17° Eco Open de Taekwondo, o 6° Campeonato Amazonense de Poomsae e o 3° Festival Curumim de Taekwondo.

Organizados pela Federação de Taekwondo do Estado do Amazonas (FTKDAM), os eventos contam com o apoio do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), e terão entrada gratuita.

Com a participação de aproximadamente 120 atletas nos três eventos, a maioria está inscrita para o 17º Eco Open de Taekwondo, que terá esportistas de todas as faixas, além de servir de seletiva para a Copa do Brasil da modalidade, na categoria faixa preta. Em seguida está o 3º Festival Curumim, que contará com lutas simuladas, para crianças de até 11 anos. O 6º Amazonense de Poomsae, teve o menor número de inscritos.

Calendário – Para o professor Raimundo Gomes, que esteve 20 anos à  frente da Federação, estas competições são importantes para o crescimento e divulgação do esporte.

“Os eventos fazem cumprir o calendário da Federação com relação às seletivas e são importantes para que o público crie familiaridade com o esporte e assim novos adeptos surjam, levando o esporte à outros patamares, apesar das dificuldades”, conta.

Premiação – Todos os eventos irão premiar com medalhas os seus participantes, do primeiro ao quarto lugar de cada categoria individual. Nas competições coletivas, serão premiadas com troféus as equipes da primeira à quinta colocação.

Poomsae – O Poomsae é uma modalidade que necessita de um alto domínio do praticante sobre si mesmo. Sua tradução significa “fórmulas ou “formas”, e é praticado tradicionalmente nas artes marciais coreanas. Sua prática consiste em uma luta imaginária, com movimentos de ataque e defesa, caracterizada pelo equilíbrio entre o corpo e a mente, como o Kata, do karatê.