Mais de 232 mil alunos da rede municipal de ensino participam do Dia de Mobilização de Leitura - Fato Amazônico




Mais de 232 mil alunos da rede municipal de ensino participam do Dia de Mobilização de Leitura

Ontem (11), mais de 232 mil alunos, das 492 unidades escolares da rede municipal de ensino, participaram de atividades de incentivo à leitura no ambiente escolar, entre elas: momentos de leitura, trocas de livros, rodas de leitura, sarau, espaços de leitura em sala de aula temáticas, trabalhadas a partir dramatizações e temas específicos.

A ação teve o objetivo de estimular e incentivar o hábito da leitura em setores da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e nas 492 unidades de ensino do município de Manaus e, ao mesmo tempo, cumprir a Lei Municipal Nº 2168, de 22 de setembro de 2016, que dispõe sobre a criação do Dia de Mobilização Municipal pela Leitura.

Na Escola Municipal Governador Danilo de Matos Areosa, na Comunidade Grande Vitória, Gilberto Mestrinho, zona Leste da cidade, a atividade envolveu, aproximadamente, 300 alunos do 4° e 5º ano do Ensino Fundamental.

Na unidade, o evento foi dividido em dois momentos. A princípio ocorreram diversas apresentações no hall da unidade e o desenvolvimento de atividades lúdicas em oito salas temáticas. Nelas, foram trabalhadas lendas folclóricas, contos infantis, dramatização e paródia, oficinas de leitura, leitura ao som de rap e peças teatrais.

A gestora da unidade, Raimunda Brito Soares, salientou que a mobilização representa a efetivação de políticas públicas voltadas ao incentivo da leitura na rede municipal de ensino. Ela destacou ainda que a mobilização realizada na escola também faz parte de outra ação iniciada em maio deste ano na unidade de ensino.

“A ação de hoje é a culminância de um projeto que existe na escola com os alunos do 4º e 5º anos, que tem como objetivo estimular o nosso aluno a ler em casa, de forma coletiva com seus pais, irmãos e familiares em geral”, destacou.

A aluna do 5º ano, Karla Keityane Silva, 10, contou que a leitura já faz parte da vida dela, mas a partir das ações que foram desenvolvidas na escola, passou ter mais interesse pela leitura.

“Confesso que já gostava de ler, mas nos últimos dois meses, com os momentos de leitura, em sala de aula, passei a gostar mais de ler, tanto que neste período já li quatro livros”.

Outra unidade que também fez atividades em alusão à mobilização pela leitura foi a Escola Nossa Senhora da Paz, localizada no bairro da Paz, zona Oeste. O evento na unidade aconteceu no período da manhã e tarde, envolvendo os 300 alunos, do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental e do Se Liga.

Lá também aconteceu o momento de contação de histórias, sala de leitura, espetáculo de talentos, além de atividades que trabalharam a criatividade e desinibição das crianças.

Sobre o objetivo do dia de mobilização a gestora, Tatiana de Souza Leal, destacou a importância de incentivar o hábito da leitura desde cedo nas crianças.

“Com certeza, o prazer da leitura se conquista por meio do contato com os livros.  Muitas crianças têm pouco acesso a eles, para tanto, o fato da escola proporcionar atividades que estimulem a leitura, fará com que os alunos sintam prazer em ler e, com isso, busquem estar cada vez mais em contato com livros”, observou.

Mobilização

A ação envolveu não só unidades de ensino, mas também todos setores administrativos ligados à Semed, inclusive a sede do órgão. Nos setores, aconteceram momentos de leitura acordados com os chefes imediatos. Pela parte da tarde, no hall da secretaria,  foi realizada uma programação alusiva ao dia, com contação de histórias, declamações de poesias, entre outras ações.