Marcos Rotta discute estratégias para transformar Balbina em Centro Internacional de Pesca Esportiva - Fato Amazônico

Marcos Rotta discute estratégias para transformar Balbina em Centro Internacional de Pesca Esportiva

Em um encontro com o ministro da Pesca, Eduardo Lopes, e o líder do Governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB), o deputado estadual Marcos Rotta (PMDB) discutiu a necessidade de transformar Balbina em um Centro Nacional e Internacional de Pesca Esportiva. A meta é preservar o lago e gerar novas alternativas de renda para quem vive no local, principalmente os membros da colônia de pescadores, que há anos amargam prejuízos por falta de pescado.

“Com o passar dos anos, o lago de Balbina no Amazonas perde grandes espécies de peixes e hoje já não apresenta nenhuma perspectiva de renda aos pescadores. A visita do ministro da pesca a Manaus faz com que possamos ampliar a possibilidade de transformar esse local em um grande centro de pesca, com o apoio do governo federal. Não apenas o ministro Eduardo Lopes, como também o senador Eduardo Braga, demonstraram grande interesse pelo assunto e vão prestar apoio”, afirmou Rotta.

Na semana passada, o deputado se reuniu com vereadores da cidade de Presidente Figueiredo, secretário Municipal de Meio Ambiente, representantes do setor turístico do município e o superintendente Federal do Ministério da Pesca para tratar sobre esta questão. “Temos fortes parcerias e não mais ações isoladas. Há muito tempo, venho discutindo essa questão na Assembleia Legislativa do Estado e agora, vamos unir forças, envolvendo a colônia de pescadores, o sindicato e os poderes de uma maneira geral. A partir do momento em que conscientizamos os pescadores de que para eles é muito mais vantajoso soltar o peixe, ao invés de matar, vamos conseguir nosso objetivo e estamos bem perto disso” disse o parlamentar.

Na próxima terça-feira (20), haverás uma reunião no município de Presidente Figueiredo, com o prefeito Neilson Cavalcante (PSB), com a colônia e o sindicato dos pescadores. “Acredito que nós deveremos ter, em um curtíssimo espaço de tempo, este sonho realizado e aumentar a renda dos pescadores que também poderão trabalhar como guias o ano inteiro, porque em Balbina é possível pescar 365 dias do ano. Trazer turistas ao Amazonas e ainda estender esse benefício a outros municípios do Estado, que possuem potencialidade para a pesca, também serão grandes desafios para nós”, finalizou Rotta.