Moradores da Comunidade São João interditam BR 174 por falta de segurança - Fato Amazônico

Moradores da Comunidade São João interditam BR 174 por falta de segurança

Os moradores da Comunidade São João, localizada no quilômetro 4 da BR 174 (Manaus/Boa Vista), revoltados com a onda de violência que tomou conta do local, interditaram a rodovia federal na tarde desta quinta-feira. Exibindo cartazes “polícia já”, “segurança é um direito de todos” e “chega de insegurança”, eles atearam fogo em pedaços de pau, pneus e lixo e interditaram a rodovia federal por algumas horas.

Os manifestantes exigiam das autoridades a construção de posto policial na Comunidade São João. “Estamos a mercê dos bandidos que estão agindo aqui todos os dias sem que a polícia faça nada. O Ronda no Bairro nem aparece aqui”, disse um morador, afirmando que o índice de violência na comunidade aumenta a cada dia.

Uma imensa fila de carros, caminhões e ônibus tomou conta da BR por algumas horas em que os manifestantes tomaram conta da rodovia.

O secretário executivo do Ronda no Bairro, coronel Raimundo Roosevelt, esteve pessoalmente na BR 174, onde depois de uma longa conversa com os manifestantes conseguiu a liberação da rodovia. "Viemos aqui para conversar com os moradores e saber o motivo que levou eles a interditarem a rodovia se for pela falta de segurança vamos reforçar o policiamento na área", disse o oficial.